PORQUE NÃO EXISTE FÓRMULAS...

Porque será que os homens não precisam de livros de auto-ajuda que trata do relacionamento homem/mulher? Pelo menos desconheço a existência de algum título, dificilmente um homem vai se dar ao trabalho de abrir um livro ou ver um filme que os oriente num relacionamento, não de livre e espontânea vontade, ao menos que o filme seja escolhido por nós para a sessão cinema em casa.

Enquanto isto nós mulheres temos na ponta da língua algo que leu ou que nos tenha sido indicado, não tenho preconceito a livros, leio todos que me chegarem às mãos, até mesmo se não estiver gostando, prefiro terminar e então formar a minha opinião, toda leitura é válida, sem dúvida. Atualmente estou lendo “Porque os homens se casam com as manipuladoras” escrito por Sherry Argov, casei o assunto abordado ao filme que assisti ontem: “Como perder um homem em 10 dias”. O livro citado foi emprestado por uma amiga que praticamente me obrigou a lê-lo, depois de uma reunião que intitulei “terapia de casais”, sabem quando rola aquele blá blá blá entre casais onde se despeja uma porção de ocorrências do cotidiano?... Até aí tudo bem, economizamos na psicóloga e temos um diagnóstico mais preciso de pessoas mais próximas.

A minha conclusão é a de que não existe fórmula, (e eu que na adolescência, vivia a cantarolar uma música da época:”Fórmula do amor”) prefiro ser natural, melhor extravasar opiniões e sentimentos a seguir regras e viver um relacionamento mecânico, o que acho é que devemos estar vigilantes e dispostos a melhorar, em função das nossas relações e de nós mesmas; claro que me identifico com diversas situações lidas ou assistidas, não quer dizer que me sinto diminuída por isto, e se eu tenho que mudar que não seja seguindo um manual de instruções; estar com alguém e amar este alguém não depende único e exclusivamente das suas qualidades, ninguém é tão virtuoso que não tenha defeitos.

O que estou tentando dizer é que nós mulheres estampamos a fragilidade muito abertamente quando o assunto é a dois, ficamos em busca de respostas e soluções das quais já sabemos, percebem o quanto concordamos com os livros de auto-ajuda? O comentário a nós mesmos é: “nossa, é exatamente assim que sou, ou acontece...” mas precisamos nos certificar de que não somos únicas; ou nos confortar com um apóio moral, quanta diferença para o pensamento masculino... por que eles se sentem tão alto suficientes? Ah ta.... são as estatísticas? Não sei quantos homens para um número inferior de mulheres... ok... diz um provérbio chinês: “Cem homens formam um acampamento, mas é preciso uma mulher pra formar um lar”. Mas que saibam que o excessivo número de mulheres torna ainda mais difícil encontrar esta UMA que defini e edifica o lar.

Comente

Assuntos relacionados: amor mulher amadurecimento