Para viver um grande amor, é preciso estar pronto! Você está?!

Enquanto você se prepara para conquistar seu grande amor e vivê-lo da forma mais intensa e satisfatória possível, imagine que você está construindo o alicerce de uma casa muito especial, da casa dos seus sonhos. Lembre-se que, caso este alicerce seja construído sem ânimo, sem empenho e sem conhecimento, sua casa desmoronará muito antes do que você imagina ou deseja. 

Portanto, trate de lançar mão de suas melhores ferramentas, de seus mais profundos conhecimentos e de todos os seus talentos para preparar o melhor dos alicerces (ou o melhor dos jardins, onde será plantada sua melhor semente).

Existem muitas metáforas que poderiam fazê-lo compreender a importância do antes no longo processo de desenvolvimento do amor, mas basta que você compreenda que ninguém pode dar aquilo que não tem para que comece a cultivar em si mesmo o amor que deseja dar e viver. Isto chama-se auto-estima!!!

Outro dia, estava lendo um texto sobre conquista em que o autor ensinava que, para conquistar alguém, devemos nos comportar como um pescador. Ou seja, ele não prepara o anzol e a isca somente depois que visualiza o peixe. Pelo contrário, empenha-se em conseguir a melhor isca, trata de se posicionar no lugar mais estratégico, prepara toda a parafernália necessária, lança a vara no mar e espera... até que a pesca se sinta atraída e vá até ele. Essa é uma ótima comparação. Ou seja, se você ficar esperando até que apareça alguém a quem deseje conquistar, certamente não estará preparado para isso e correrá sério risco de perder a oportunidade.

Não dá para viver um grande amor sem antes atrair, envolver e conquistar alguém que nos interesse. Embora o amor seja um sentimento pouco provado cientificamente, é possível relacionar alguns detalhes que contam, e muito, para que uma pessoa se torne atraente, envolvente e seja capaz de conquistar a outra. No entanto, devo esclarecer desde já que nada garante o amor. Não há garantias para o amor! O que existem são atitudes que favorecem encontros, que facilitam aproximações e que contribuem bastante para que uma relação de amor se desenvolva e seja satisfatória.

Lançando mão desse conjunto de atitudes, deixo aqui algumas dicas preciosas de como você pode se tornar uma pessoa realmente interessante. Afinal, não é fácil atrair, envolver e conquistar alguém se você não acreditar que tem capacidade (ou atributos) para tal proeza. Nesse caso, fica impossível viver um grande amor.

Mas, ao contrário, se você acreditar e descobrir seu talento para amar e, principalmente, ser amado (o que é sempre bem menos poético), estará pronto e, inevitavelmente, atrairá para si a oportunidade de viver um grande amor...

Rosana Braga :: 

Comente

Assuntos relacionados: amor