Infertilidade masculina

Espermatozóides tentando entrar no óvulo

A infertilidade preocupa muitos casais, se o problema parte do lado masculino, a situação é ainda mais delicada. Os homens não costumam procurar auxílio médico quando acham que têm algum distúrbio e isso dificulta o tratamento.

De acordo com o urologista Alexandre de Freitas Miranda, da Sociedade Brasileira de Urologia, a infertilidade masculina pode ser revertida. “O caso mais comum na prática clínica é varicocele, vasos sanguíneos que se dilatam na bolsa escrotal e acabam causando uma variação de espermatozóide. As causas de infertilidade podem ser hormonais, hereditárias, falências testiculares, etc. Mas todas podem ser tratadas”, diz ele.

Para caracterizar a infertilidade masculina é necessário constatar a incapacidade de engravidar a mulher em um ano de relações sexuais freqüentes e desprotegidas. Depois, o espermograma poderá confirmar a patologia. “A cura pode ser feita por meio de duas cirurgias, uma microcirurgia na região inguinal com uso de microscópio e uma desobstrução do ducto ejaculatório”, explica o urologista.

Geralmente, 40% dos casais inférteis tem como causa o fator feminino, 40% ao fator comum e 20% ao fator masculino.

Fonte - MBPress

Comente