Final de ano, juntos!

Final de ano juntos

O final do ano está chegando e com ele, a lista de resoluções ficando cada vez maior. Tem gente que quer arrumar namorado, por toda lei. Tem as que querem mesmo é curtir a vida de solteira por mais 365 dias. Mas para os casais felizes, que já escreveram uma história boa o ano todo, a época é de planejamento, juntos!

A repórter Genielli Janaina Rodrigues, de 24 anos, já namora João Carlos há cinco anos e meio. Mas esse final de ano teve um gostinho especial. Os dois noivaram no começo de dezembro e dão início ao ano novo cheio de planos.

“Vamos começar 2009 noivos e todo o planejamento será em conjunto com a intenção de estruturar nossas vidas para os próximos anos”, conta. Entre as metas está poupar para comprar e mobiliar um apartamento, e também realizar a grande festa, prevista para 2010. “Falta muito, mas são coisas que demandam tempo, dinheiro e planejamento. Acredito que 2009 será um ano diferente para nós. Vamos ter um ano mais próximo com objetivos em comum”, suspira.

Segundo Genielli, o ano novo é sempre um momento de reflexão, sobretudo, na relação amorosa. “Apesar de conversar durante o ano, a perspectiva do ano novo parece que enche o coração de esperança. No nosso caso, o clima de festas contribui para repensar e tentar fazer o ano de 2009 o melhor de todos”.

Caroline Campos, 22, é outra que esbanja alegria ao lado do namorado Fábio. Juntos há quatro anos, os dois aproveitam a estação para reafirmar ainda mais a boa relação. “Ele pensa em casamento e filhos (a longo prazo, é claro). Saber que você namora com alguém que quer fazer planos e, principalmente, que pensa em ficar junto sempre é bom e anima qualquer casal apaixonado”, se derrete.

Carol gosta de parar esta época do ano para fazer um balanço do namoro, que, segundo ela, vai muito bem, obrigada. “Mas gosto sempre de me questionar, ver se estou na direção certa, sufocando ou deixando solto demais, sempre é bom um equilíbrio”. Para ela, o calor do verão anima. “É bom para sair para passear, com menos roupas e mais carinhos. O clima e o astral são um convite”.

A jornalista Silvia Chioca, 30 anos, completou um ano de casada agora, no final de 2008. Segundo a moça, a época é muito agitada, principalmente porque o marido trabalha no comércio. “Até o Natal nossa vida é uma loucura. Mas depois de 10 anos juntos, sei que tenho de ser compreensiva, ajudá-lo e comprar os presentes de Natal sozinha”, conta. “Mas à noite, quando ele chega cansado, é só mimar um pouquinho que tudo fica bem. Depois do dia 25 tudo fica mais tranqüilo. Viajamos, temos tempo para conversar, para discutir novos projetos e principalmente, namorar”.

Segundo ela, a relação não é repensada apenas porque o clima natalino e de festas inspira reflexão. “Não esperamos esta época para pensar na relação. A gente pensa o ano inteiro”. Mas é lógico que o clima é propício para estipular metas e pensar em novos projetos. “Acho que em todos os aspectos fazemos isso, no trabalho, na família e no casamento também”.

Leia também - O desafio dos relacionamentos!

Por Sabrina Passos (MBPress)

Comente