Filme francês combate o machismo

filme contra o machismo

foto reprodução: Youtube/eleonorepourriat1

Imagine como seria o mundo dominado por mulheres e se fossem os homens que passassem por certos constrangimentos e assédios como as mulheres são submetidas todos os dias. A diretora francesa Eléonore Pourriat, que é feminista, produziu um curta metragem em 2010 "Majorité Opprimée" (Maioria Oprimida), que critica o machismo. Graças à internet ele já foi visto por 8 milhões de pessoas.

O curta mostra um mundo onde são os homens quem ouvem cantadas na rua, que sofrem assédio e abusos sexuais e até correm sem camisa. Os papéis são totalmente invertidos. Apesar de ser tratado com humor e deboche, o filme é uma critica contra o machismo e a sociedade que aceita isso passivamente.

Em janeiro de 2014 o filme ganhou legendas em inglês e com isso mais visualizações e sucesso. A diretora declarou recentemente para a Folha de São Paulo que o curta é um raio de sol sobre o tema do machismo e como ele atinge o mundo todo e as mulheres que se sentem espelhadas ali.

Uma das cenas marcantes da película é a em que o homem que foi vitima de estupro vai à delegacia e é tratado com certo desprezo e sem a atenção devida pelas atendentes, todas mulheres.

Apesar de arrancar algumas risadas, a crítica é certeira e dá para sentir o que as mulheres passam todos os dias. Fica nossa luta para que isso pare de ser realidade o quanto antes!

Confira o curta:


Comente

Assuntos relacionados: relacionamento machismo feminismo