Eu Amo Demais – O Que Devo Fazer?

Algumas pessoas me buscam com desespero, dizem aos prantos que são pessoas muito amorosas e por isso estão sofrendo. Me pedem  conselhos, insistem em encontrar uma solução para esse mal: o amor.

Meu querido, minha querida, se esse for o seu caso, tenho de dizer:

o amor nunca é um mal. Não existe amor em excesso.

Existem coisas na vida que não fazem mal algum quando ministrados em abundância. Qual é o malefício de uma flor extremamente bela? Qual o erro de um pássaro demasiadamente livre? E uma água completamente límpida, faz mal? Assim também o é com o amor, o excesso não  causa dano algum, sua ausência sim é prejudicial.

Então, chegamos ao ponto culminante dessa questão. Você não está sofrendo por excesso de amor. Mas, na verdade, padece da falta ou escassez dele.

Se você for realmente sincero em sua observação, vai notar que não é o amor que te entristece, mas sim o ciúme, a raiva, o medo, a inveja, insegurança?

Por isso, se você sente que ama demais e quer uma solução, aqui está:

AME AINDA MAIS!

Ame-se mais.

Ame mais a vida.

O ar que te rodeia.O sorriso de um ancião ou de um bebê.

Ame tudo. Permita que o amor aconteça através de você. Permita-se!

As pessoas sofrem, e talvez infelizemnte esse seja o seu caso, porque mendigam o amor. Só se permitem receber migalhas ou só oferecem misérias. Não viva um amor avarento, viva cheio de amor, deixe transbordar. CONFIE!

Se você tem dificuldades em compreender essa questão, veja também:

Aprender a AmarQuanto Você Dedica Ao Amor?Por Que O Amor Não é Mais Como Era?

Acredite no Amor

e Viva o Seu Melhor!!

Pâmi Garcia

Comente

Assuntos relacionados: relacionamento amor autoconhecimento teens