Diga não ao medo de errar no amor

diga não ao medo de errar

siga em frente confiante e sem medo de errar e de sofrer, o amor é feito de riscos. Foto: © Ocean/Corbis

Você tem medo de quebrar a cara? De se arriscar e errar? Aceite um conselho carinhoso: Não se esqueça que a vida pode ser bem mais curta do que você imagina, não perca seu tempo com medo de ser feliz no amor.

Perder ou ganhar é uma questão de sorte e de dedicação, e muitas vezes mesmo com tudo isso, quadradinho, o relacionamento pode não dar certo. Mas o pior mesmo sabe o que é? É ficar trancada em si mesma e não dar uma chance do acaso.

Não há muito mais a dizer sobre o amor, ele existe, ele está em todo lugar e assim como tudo na vida, ele pode ou não durar para sempre. É claro que, ninguém escolhe ter medo ou não, ele surge, e depois de algumas traições, traumas e portas na cara, a gente acaba querendo um tempo para ser só de si mesma.

Variar de bocas, corpos e novas experimentar novas possibilidades parece ser bem interessante e prazeroso, e você pode optar por viver assim um tempo, ou mesmo para o resto de sua vida. Até aí tudo bem, contanto que essa decisão seja baseada no que te faz feliz e não em desilusões do passado.

Consegue ver a diferença entre ter medo e saber o que quer para si? É isso. E lá dentro de nosso coração sabemos e sentimos claramente essa diferença.

Assuma para você mesma a situação em que está. Se está naquela fase de "estar de molho", digamos, de quarentena do amor por um tempo, fique assim. Mas se alguém se interessou por você, não generalize as pessoas, dê uma chance e quem sabe você até se diverte.

Nunca deixe de viver uma coisa nova por medo. Quando você olhar de relance para trás vai entender como foi bom arriscar de novo.


Por Giseli Miliozi

Comente

Assuntos relacionados: relacionamento medo de errar amor e sexo amor