Dia do solteiro, motivos para comemorar?

Dia do solteiro motivos para comemorar

Amanhã, dia 15 de agosto, é o dia dos solteiros. Para alguns, os convictos, é motivo de comemorar, já para outros a data não é das mais felizes. Seja qual for a sua visão, o fato é que o número de solteiros a cada ano que passa se torna maior. De acordo com os últimos dados divulgados pelo IBGE cerca de 57,9 milhões de pessoas estão sozinhas em todo o país. Mas qual será o motivo disso?

O Vila Dois foi conversar com o terapeuta especializado em relacionamentos Sergio Savian para tentar achar respostas para tantas pessoas estarem sozinhas. Sergio explica que hoje diminuiu muito a cobrança para que a pessoa se case e a importância da individualidade aumentou o que faz com que muitas mudassem suas visões sobre ter um parceiro. “As pessoas não trocam facilmente seu caminho individual pelo caminho do amor. Desenvolveu-se a noção de que é possível ser solteiro e feliz, em contraposição à antiga frase que dizia que é impossível ser feliz sozinho.”

A conclusão disso é que não é mais vergonha ou tristeza estar sozinho, é só uma condição diferente. “Antigamente, uma mulher solteira era discriminada como ‘a solteirona que ficou pra titia’. O homem solteiro não conseguia alcançar cargos de chefia. Tudo isso ficou no passado.”

Se mesmo assim você não se convenceu e quer alguém para estar junto com você, mas acha que está difícil achar uma pessoa que não tenha medo e tope se envolver, o terapeuta explica o motivo disso. “Perder a cabeça, colocar os dois pés em uma relação, entregar-se ao amor está cada vez mais raro. Talvez porque o nosso coração esteja endurecendo, talvez porque estejamos mais superficiais. Ou quem sabe o amor mudou e de agora em diante não terá mais solidez? Estamos ao meio de uma profunda transformação. Ainda é muito cedo para julgar. Quem sabe não estejamos aprendendo a amar de outra forma, mais abrangente, saindo do romantismo do século passado, rumo a um amor mais universal?”


E você, o que acha dessa mudança? De qualquer maneira, o que resta então é aguardar para saber como as coisas vão ficar e não esquecer de aproveitar o dia dos solteiros, seja na solteirice ou no casamento.

Por Larissa Alvarez

Comente