Conviver com o ex namorado

Conviver com o ex namorado

Terminar um namoro ou levar um fora daquele cara que você está apaixonada são duas situações nem um pouco agradáveis que todo mundo enfrenta de vez em quando. As coisas ficam piores ainda quando você precisa conviver com o ex, seja no trabalho, por causa da turma de amigos que é a mesma ou por qualquer outro motivo.

Mas como contornar essa situação? O psicólogo, membro do instituto de psicologia da USP, Ailton Amélio da Silva, explica que não tem jeito, se a pessoa estiver apaixonada vai sofrer com a convivência. Ainda mais, porque de acordo com ele, para algumas pessoas é inevitável não se torturar.

“Mesmo quem não precisa conviver, muitas vezes visita o Orkut do ex, passa na frente do prédio para ver se o carro está em casa, procura saber da vida dele. Com a convivência a pessoa fica exposta e mesmo sem querer acaba vendo o ex conversar com amigas, receber ligações.”

Ele explica que cada pessoa tem uma reação, algumas conseguem “neutralizar” o ex e conviver naturalmente, já outras sofrem até esquecer. Mas aí surge aquela dúvida frequente nos coração partidos: como fazer para esquecer? Ailton explica que infelizmente não existe uma formula mágica para “desapaixonar”.

“A formula é simples, mas a aplicação é difícil. No caso do outro não querer mais nada mesmo, a pessoa precisa primeiro perder totalmente a esperança, desidealizar o parceiro para aí então desapaixonar. Achar um outro namorado também ajuda, mas nada disso garante que a pessoa esqueça.”


Conviver, esquecer, nada disso é fácil. Mas o importante é sacudir a poeira e não desanimar nunca, porque um novo amor pode sempre aparecer a qualquer momento!

Por Larissa Alvarez

Comente