Casamento é igual a Eletrodoméstico

Domingo a noite um amigo veio aqui em casa conversar com meu marido e começou a desabafar a crise do seu casamento, não creio muito mas parece a crise dos "7 anos", eu não entendi e nem perguntei qual era realmente o problema deles, até porque todo casamento tem dificuldades, mas ele falava inclusive em sair de casa, então comecei a pensar como nenhum casamento é perfeito, e como somos despreparados para mantê-lo.

Na verdade o casamento é igual a um eletrodoméstico, no começo é lindo e funciona perfeitamente, mas num belo dia estraga uma peça e pára de funcionar ou continua funcionando mal.Então nossa primeira reação é : lá se foi meu liquidificador" rsrsrs e aí nossa atitude é de jogá-lo no lixo e comprar um novo. Dependendo do problema nem vale a pena concertar, é melhor comprar logo outro, até porque o nosso já está ultrapassado. Mas às vezes a gente leva para concertar e não é que fica como novinho...

Essa mesma reação temos quando algo inesperado surge em nosso casamento e aí ficamos meio que atônitos sem saber o que fazer pensando que é o fim e queremos trocar o "velho com defeito" porque pensamos que lá fora tem um modelo novo e que irá funcionar perfeitamente até o fim, mas não é assim, todo casamento passa por isso e precisa é de concerto, só não vale a pena concertar quando realmente o concerto irá sair tão caro que é melhor trocar por um novo, mas às vezes o concerto custa pouco e resolve 100% e deixa como novo.


É questão apenas de um ajuste e isso depende da disponibilidade dos dois, de acharem que vale a pena concertar e não jogar fora e ou substituir, o novo também dará problema mais cedo ou mais tarde. Isso acontece em todos os casamentos e acontecerá no seu, mas não é o fim pode ser apenas um probleminha técnico, depende de você e de seu parceiro quererem concertar, às vezes vale muito a pena concertar do que comprar um novo.

Comente