Amor à prova de tudo não existe

Cuide do seu amor seja como ele como for. Ele não resiste a tudo.
amor à prova de tudo não existe

O amor é forte, mas não indestrutível, ao contrário do muita gente pode pensar, ele também acaba. Foto/Shutterstock

O amor não foi feito para ser de aço. O amor é feito de tanta coisa que fica difícil definir, isso muda muito para cada pessoa que ama, mas posso arriscar dizer que o amor não é indestrutível, ele pode acabar se não receber os devidos cuidados. O amor precisa ser amado e acima de tudo respeitado.

Muita gente machuca o amor, faz com que ele se torne algo ruim e dolorido, e acabam usando a desculpa do “fiz tudo por amor” para agredir o outro. Vamos parar por aqui. O amor não exige nada, ele existe por si só e pronto. Se ele é reto, torto ou fora dos padrões, isso não importa. É amor. Aliás, quem disse que amor tem padrão? 

Se a gente não repensar nosso amor sempre, todos os dias, não conseguirá acompanhar as mudanças que virão, e elas chegam, com ou sem convite. A rotina é implacável, mas não é ruim. Ela faz parte e casais criativos e que se amam acabam encontrando uma forma de superar isso. Já uma traição ou outra mentira podem não ser superadas. 

Por isso que eu digo a vocês que amor não é à prova de tudo. Ele tem pontos fracos e fortes como todos nós. Ele tem um limite, ele se esgota. 

Algumas pessoas gostam de testar, elas testam a si mesmas e aos outros. Essa brincadeira deixa sequelas que podem durar muito tempo e desencadeiam um medo da vida. O medo de amar é do tipo que não ajuda ninguém. Ele não serve para nada. Ele só te afasta do lado bom da vida.

Infelizmente para viver a gente precisa arriscar. O medo, na área amorosa faz com que certos movimentos sejam travados. Veja bem, não estou dizendo para não se ter medo, ele existe sim, e nos serve muito bem, mas sentir medo não pode te segurar para nada. Ele vem e te avisa do perigo, antes do salto. A escolha é sua.

Sentir medo antes de saltar de paraquedas é uma coisa, pode ser fobia, mas pode ser também apenas medo do desconhecido sobre o qual você não tem qualquer controle, no amor é a mesma coisa. O que você prefere ter medo, ou pular e descobrir?


Comente

Assuntos relacionados: amor e sexo amor