5 dicas para curtir o jogo do Brasil na Vila Madalena

jogovila madalena

Foto - Bruno Santos

Desde que a Copa do Mundo começou, a Vila Madalena virou reduto de gringos (de paquera, de futebol, de bebedeiras). Só que o local não é pura curtição. O bairro virou alvo de violência contra turistas e locais, ponto de drogas e até promiscuidade.

Mas você pode passar ilesa dessa situação e curtir o jogo Brasil x Chile neste sábado (28/06) com segurança. Listamos 5 dicas necessárias para as mulheres que forem assistir ao jogo na Vila Madalena.

1 - Não vá sozinha

Muvuca é muvuca em qualquer lugar. E mulheres sozinhas são alvo fácil de furtos, mãos bobas, etc. Vá com, pelo menos um acompanhante e, se possível...

... 2 - Vá em galera

Assim é mais fácil de você evitar abordagens indesejadas, sabe? Se tiver homens no seu grupo, melhor ainda, pois isso intimida os outros. Desde o início da Copa, houve registro de alguns "mini-arrastões" no local; pequenas gangues que intimidam e furtam carteiras e celulares. Por isso, principalmente à noite, tente não circular sozinha.

3 - Vá de metrô

Essa é a melhor forma de chegar à Vila. O local fica um caos horas antes do jogo e você corre o risco de ficar parada em um dos cruzamentos. Fora isso, os estacionamentos estão cobrando mais caro do que o normal. E, voltando de metrô, você não precisa se preocupar com beber e dirigir.

4 - Proteja-se dos furtos

Desde que a Copa do Mundo começou, foram regsitradas quase 500 ocorrências de furtos no bairro. A nossa dica é justamente não ser um desses número. Como? Sendo discreta. Os celulares e iPhones são os mais procurados (carros estacionados também). O ideal é levar uma bolsa que fique sempre junta a você, como as bolsas carteiros, com alça transversal. Assim, você pode trazê-la para frente caso sinta alguma ameaça por perto.

5 - Chegue com antecedência

Os bares da Vila Madalena estão mais concorridos do que nunca. Por isso, se quiser pegar uma mesa vaga em algum deles, a dica é chegar cedo, pelo menos duas horas antes do início da partida.


Por Helena Dias

Comente

Assuntos relacionados: copa do mundo