Ultrassom: momento de emoção e alívio para os pais

Ultrassom momento de emoção e alívio para os pais

Foto imagerymajestic/http://migre.me/8QfhB

Estar grávida é emocionante mas também preocupante, pois gerar uma vida traz muitas responsabilidades. Para amenizar essa ansiedade, alguns exames ajudam os pais a acompanharem o desenvolvimento do bebê. O principal é a ultrassonografia, que serve não só para mostrar o sexo do feto, mas todos os detalhes do corpo, tanto da estrutura óssea, quanto dos órgãos internos.

O ultrassom, como é popularmente chamado, detecta também a presença de doenças cromossômicas, principalmente a Síndrome de Down, exterminando os medo de muitos pais. O exame possibilita ainda o acompanhamento de infecções congênitas, como a rubéola; controla a vitalidade fetal; permite uma avaliação das condições da placenta e do líquido amniótico, entre outras coisas.

Mas quando os pais entram no consultório médico, as questões técnicas ficam em segundo plano, já que a emoção toma conta do casal ao ver as primeiras imagens do filho.


Para a bailarina Roberta Paz, mãe de Bernardo, de 2 anos e 7 meses, e grávida de 15 semanas, suas ultrassonografias são um misto de medo e alegria. "Antes do exame ficava ansiosa para saber como estava o bebê, saber se conseguiria ouvir seu coração? Durante o exame, outro misto de sensações, ficava feliz ao vê-lo mexer, mas confusa com as imagens, o que era pé ou mão? Daí quando ouvia o coração ficava muito emocionada ao saber que tinha uma vida dentro de mim, é lindo, é mágico!"

Por Carmem Sanches

Comente