Infertilidade feminina - Gestantes podem doar urina

Doação de urina um ato de amor

Gerar um bebê é a realização completa para grande parte das mulheres. E aquelas que estão no início deste sonho podem ajudar muitas outras que enfrentam dificuldades para engravidar. Muita gente não sabe, mas para isto basta um ato muito simples. Gestantes até a décima-oitava semana podem doar sua urina, de onde é extraído o hormônio chamado HCG, liberado pela placenta e que mantém a gravidez no início do desenvolvimento do embrião.

O HCG está presente nos primeiros meses de gestação e funciona como um antiabortivo. Devido às suas características, tem sido usado como matéria-prima na produção de medicamentos que combatem a infertilidade feminina.

Para estimular a doação de urina pelas mulheres grávidas, em 1986 foi criado no Brasil o Programa HCG, que tem o objetivo de identificar grávidas em condições de doar sua urina e convidá-las a participar.

Atualmente, o programa funciona em cidades dos estados de São Paulo e Minas Gerais. De acordo com o site www.programahcg.com.br, em postos de saúde, hospitais, clínicas e associações, promotoras sociais ou enfermeiros fazem contatos com possíveis doadoras, que preenchem um cadastro com seus dados pessoais. Ao concordarem em participar, elas são, então, cadastradas.


A equipe de agentes de coleta do programa vai até o endereço indicado pela doadora e leva frascos para a doação em casa ou no trabalho. A cada quatro dias, eles retornam para retirar a doação até que chegue a décima-oitava semana da gestação.

Quer participar? Para entrar em contato com o Programa HCG, é só ligar gratuitamente para o telefone 0800 880 0424.

Por Adriana Cocco

Comente