Wii, videogame incentiva o movimento

Foto Divulgação  Criança jogando Wii

Foto Divulgação

Hoje, o entretenimento eletrônico, mais do que nunca, vive a era do realismo. Empresas espertas como a Nintendo abusam da tendência e, estrategicamente, oferecem jogos que além de inovadores, são fáceis de jogar, fato que fez ampliar o público interessado em videogames, atraindo perfis de usuários antes ignorados como mulheres e pessoais mais velhas.

O videogame Wii, por exemplo, chegou no mercado em 2006 e já virou uma febre de consumo para todas as idades.

O diferencial que atrai os jogadores é a forma de manipulação dos controles. Os joysticks do Wii fazem com que a pessoa interaja com a tela, como se ela fosse o personagem. Os comandos estão no movimento. Nas disputas de esportes, por exemplo, o jogador fica com os controles nas mãos e age como se estivesse realmente praticando a atividade física. No caso do boxe, a pessoa faz movimentos de socos para acertar o adversário e ganhar a disputa.

A boa notícia é que, diferentemente dos jogos convencionais, o Wii incentiva as crianças a se movimentarem e sugere uma pausa no jogo sempre que o aparelho estiver ligado durante muito tempo.

A ação é tão grande que o videogame passou a ser usado também como aparelho de exercícios. A própria Nintendo lançou o programa Wii Fit, direcionado à prática de exercícios e perda de peso. Finalmente, jogar videogame ficou um pouco mais saudável.

Fonte - MBPress

Comente