Tudo que você precisa saber antes de contratar uma babá

Contratar babá

As férias chegaram para as crianças, mas para os pais o ano continua e a rotina também, repleta de tarefas e prazos. Como não dá para deixar as crianças em casa e os avós também merecem um descanso, o jeito é contratar uma babá. E por onde começar?

Para ajudar você a escolher uma boa babá e sair para trabalhar sem preocupações, o Vila Mulher pediu ajuda para Fernanda Souza, Consultora da Babá Ideal e da Governess - Consultoria Familiar. Veja as orientações que ela separou:

Defina o perfil da babá que você procura.

Seria uma babá para dormir ou para ir e vir? Qual o horário de trabalho ela terá? Será necessário que ela faça horas extras? Quais atividades ela precisa cumprir? "São muitos os detalhes a serem analisados, por isso, comece traçando o perfil que atenderá melhor às suas necessidades e use alternativas que a deixe mais segura no processo de busca, seja por indicações ou por agências", diz Fernanda.

Mas como eu defino o perfil da babá?

Os requisitos vão depender da necessidade da sua casa. Fernanda exemplifica: contratar uma babá para ir e vir vai exigir que ela more próximo à sua residência, para evitar que ela gaste muito tempo no trânsito, o que a deixará cansada e também pode gerar atrasos frequentes. "As experiências anteriores também são muito importantes, pois, por meio delas, poderemos analisar a história profissional daquela candidata. Mas lembre-se: cada casa é uma casa e o processo de adaptação deve ser sempre acompanhado de perto."

A idade da candidata deve ser um critério de seleção?

Optar por determinar uma idade especifica da babá para cada faixa etária da criança é um critério muito íntimo dos pais. Contratar alguém muito jovem pode ser sinônimo de pouca experiência, porém pessoas de mais idade também não trarão essa segurança somente pela idade. "Então o ideal é avaliar a candidata como um todo e sempre analisar quais foram suas últimas experiências e o que a levou a escolher a profissão de babá", orienta a consultora.

Nunca entrevistei ninguém. Preciso seguir algum roteiro?

Cuidado: roteiros prontos trazem respostas prontas! O ideal é que a mãe converse com a candidata sem muita formalidade. Tente entender como foram suas últimas experiências, como era a rotina das crianças que ela cuidava anteriormente, quais os motivos a levaram a sair dos empregos etc. "Sempre deixe que ela conte como foram as experiências e evite fazer perguntas fechadas, nas quais a candidata pode se limitar a responder sim ou não", diz Fernanda. "Após a entrevista tenha sempre o cuidado de entrar em contato com os ex-contratantes e verificar as impressões que eles tiveram daquela candidata durante a permanência dela em suas residências. E, claro, analise se a conversa foi agradável, pois esta pessoa passará a maior parte do tempo em sua casa cuidando dos seus filhos!"

Quais os limites do trabalho da babá? Ela precisa preparar a comida do bebê? Fazer a limpeza do quarto dele? Lavar e passar as roupinhas dele?

A cargo de babá abrange todas as atividades referentes às crianças, como alimentação, brincadeiras, higiene etc. Porém, é muito importante que as tarefas a serem realizadas sejam definidas no início, para que no futuro não haja problemas a respeito do que se espera que seja feito e o que a babá acha que deve ou pode fazer. Fernanda completa: "Apresentar as expectativas no início ajuda bastante nesse aspecto, além de tornar o trabalho da empregada mais fácil, já que ela terá mais segurança em realizar as tarefas necessárias. Você também terá um controle maior das atividades que ela deve realizar."

Existe diferença entre contratar uma babá para um bebê e para crianças maiores?

Fernanda afirma que a atenção com a criança nunca diminui, ela apenas muda de foco, mas jamais pode deixar de existir. Geralmente as mamães que acabaram de ter um bebê estão mais inseguras sobre como será os cuidados com o seu filho, principalmente, se este for o primeiro. "Sendo assim, se for um bebê, a babá deverá ter disciplina com os horários das mamadas, troca de fraldas e medicação. Quando a criança já está começando a dar os primeiros passos e a falar será exigido muito mais disponibilidade física e assim por diante. A pessoa contratada precisa acompanhar esse ritmo."

Quando é realmente necessário a babá dormir no trabalho, saber dirigir, cozinhar entre outras habilidades?

Segundo a consultora, se a rotina da família costuma terminar muito tarde, ou a agenda social faz com os pais tenham compromissos noturnos com frequência, vale ter uma babá para dormir. Mas se os eventos acontecem esporadicamente, pode ser mais interessante combinar com a babá que ela fique eventualmente até mais tarde, em caráter de horas extras, ou então, contratar uma babá avulsa por período determinado. "No caso das habilidades técnicas (dirigir e cozinhar), é importante que a mãe trace o perfil desejado e tente buscar alguém que se encaixe o mais próximo disso". Porém, lembre-se de que nem sempre é possível encontrar profissionais que tenham experiência em tudo. Tenha em mente o que você pode abrir mão e o que acha imprescindível. Muitas vezes, também vale treinar essa candidata e aperfeiçoar suas habilidades profissionais.


Quero usar câmeras para monitorar os passos da babá dentro de casa. Devo avisá-la? "Monitorar sua residência é uma prevenção que abrange muito mais do que somente as atividades da babá e dos demais empregados. Então tratar o assunto abertamente pode até dar mais tranquilidade à profissional que está em sua casa, trazendo uma sensação de segurança e confiança para ambas as partes", avalia Fernanda.

Quero contratar uma empresa especializada para selecionar uma babá. Vou me sentir mais segura?

Fernanda conta que a necessidade de contratar uma empresa especializada muitas vezes surge da dificuldade em encontrar profissionais por indicação e também pela falta de tempo dos pais em buscar essa pessoa por outros meios. "A grande vantagem é poder receber perfis que se enquadram no perfil de vaga que os pais precisam. Além disso, as candidatas já passaram por um profissional que as entrevistaram a e julgaram capacitadas para tal atividade". E completa: "A empresa contatada passa a maior quantidade de informações sobre aquela candidata, como endereço, estado civil, escolaridade, referências, checagens das ultimas experiência e atestado criminal."

* Serviço: Consultora das empresas Babá Ideal e Governess - Consultoria Familiar.

Por Juliana Falcão (MBPress)

Comente

Assuntos relacionados: filhos crianças bebês babá