Escolinha na Noruega estimula criatividade das crianças sem brinquedos

Sem brinquedos nas aulas = mais criatividade
crianças-brinquedos

Foto - Shutterstock

Uma escola na Noruega decidiu retirar todos os brinquedos das crianças do jardim de infância, não por maldade ou castigo, mas porque acreditava-se que, dessa forma, a criatividade dos pequenos seria atiçada. E não é que funcionou?

Diferente do que muitos podem achar, as crianças sequer reclamaram de não possuírem mais os objetos para brincar. Pelo contrário, elas passaram a inventar as suas próprias brincadeiras.

Depois de um tempo sem encontrar qualquer brinquedo convencional, os pimpolhos botaram a mão na massa e inventaram seus próprios barcos, carros e espadas com caixas e revistas que estavam no local.

De acordo com a professora Trine Hagen Strandbakken, as crianças recebem atualmente muitos estímulos eletrônicos e ter essa oportunidade de criar seu próprio universo é uma opção saudável.

"Você pode comprar brinquedos nas lojas, mas não a brincadeira", disse ela. "Os brinquedos são criados para entretenimento e não para criar histórias ou construir mundos que nunca foram vistos antes."

Além de estimular o lado criativo, notou-se também que as disputas e brigas por brinquedos diminuíram: em vez de discutir de quem era a bicicleta, as crianças podiam inventar seus próprios cavalos e caminhar juntas ao destino final - afinal, ninguém era mais dono de nada.

O projeto deu tão certo que a escolinha pretende continuar com essa "retirada de brinquedos" regularmente, especialmente quando a brincadeira for ao ar livre.


Por Tissiane Vicentin

Comente

Assuntos relacionados: escola criatividade crianças