Segurança na internet: proteja a si e seus filhos

smartphone

Foto - Shutterstock

A evolução da tecnologia e os novos tempos ajudaram as mães a estarem mais conectadas do que nunca. A partir dos queridos smartphones,não é possível ter a mesma segurança na internet que temos em casa.

Toda esta comodidade que a tecnologia oferece é utilizada pelos ciber criminosos para roubar senhas, identidades e dinheiro dos consumidores.

Já existe um nível maior de maturidade no que se refere a sofisticação e no número de ameaças. O sistema operacional Android, a plataforma móvel mais popular, segue sendo o foco principal dos ataques, cobrindo 98,05% dos malware conhecidos. O problema se agrava com o seguinte dado: quase 50% das pessoas não usam um software de segurança em seus smartphones e tablets Android.

Entre as preocupações que a Internet gera se encontram:

- Segurança

- Privacidade de dados

- Acesso por seus filhos a sites com conteúdos impróprios

- Dados pessoais e espionagem

As soluções de segurança são o primeiro passo firme para proteger as crianças e a nossa informação sensível dos aspectos negativos que podem derivar das ameaças que estão na Internet.

Adote bons hábitos online :

- Nunca clique em links de e-mails suspeitos, mensagens em sites ou banners em sites desconhecidos. Quando tiver que visitar um banco online, um varejista ou um website pago deve digitar manualmente o URL em vez de clicar em um link.

- Não aceite convites de estranhos nas redes sociais ou clique em links, vídeos ou imagens sensacionalistas que circulam nestas plataformas.

- Não realize transações bancárias ou compras online enquanto esteja conectada em uma rede Wi-Fi, já que outros conectados na rede podem roubar sua senha.

- Designe um cartão de crédito para compras online. Assim poderá restringir o limite de crédito e se dar conta de imediato se caso ocorra débitos sem autorização.

- Supervise como se comportam as aplicações do telefone. Este precisa de solicitações/permissões de acesso para aplicações que estão executando no telefone. É especialmente importante fazer isso com Smartphones Android.

Conselhos para a proteção das crianças:

- Fale com seus filhos sobre potenciais perigos a que se pode enfrentar para que sejam conscientes dos riscos que podem levar seus movimentos na internet.

- Coloque o computador em um quarto familiar de maneira que as experiências online sejam compartilhadas por toda a família.

- Os oriente sobre o que pode ou o que não podem fazer na internet segundo suas necessidades ou idades.

- Restrinja o conteúdo a que se pode acessar pelo computador.

Não seja passada para trás e nem corra riscos. Certifique-se de que seu dispositivo móvel esteja protegido e navegue a vontade!


Por Vila Mulher

Comente

Assuntos relacionados: filhos mães internet celular smartphone