Secret: como proteger e aconselhar os filhos?

secretaplicativobullyng

Foto - Shutterstock

O Secret é um aplicativo do Google lançado no começo deste ano que permite que as pessoas revelem segredos no anonimato. Entretanto não demorou muito para virar mais um palco para o bullying. Alguns adolescentes e crianças sofrem cyberbullying, sem ao menos saber de onde veio.

"Por não expor a identidade de quem escreve ou posta fotos, o Secret abre a possibilidade para a crítica sem limites e para fotos desrespeitadoras. Conscientizar os adolescentes e filhos sobre esses riscos provavelmente não o impedirão de usar o aplicativo, mas talvez freie o excesso", explica o psicólogo e neuropsicólogo Fábio Roesler.

O especialista recomenda aos pais que monitorem, com moderação, a atuação dos filhos nas redes sociais. "Penso que monitorar o conteúdo deste aplicativo seja entrar em uma parte da privacidade do adolescente que não seja aceitável. De toda a forma, os filhos em idade menor devem ser monitorados", explica.

A dica é conversar com os filhos sobre os limites e difamações. É importante reforçar que o respeito existe em relações reais e virtuais, as consequências e como isso pode afetar os amigos.

"Quando um comportamento virtual se torna bullying, tanto quem faz ou recebe - se isso for frequente -, a recomendação é que se procure um profissional de saúde mental para melhor orientação", reforça Roesler.

Sobre Secret; superexposição e proteção

A interface do Secret parece uma mistura entre Facebook, Instagram e Twitter; caixas de textos anônimas, acopladas em um feed de notícias, onde é permitido compartilhar, comentar ou curtir a publicação.

Como o aplicativo não pede nenhuma referência de dados, apenas a relação de amigos do Facebook e Whatsapp, e todo mundo publica os textos anonimamente, fica mais complicado saber quem foi o autor de algum texto ou foto. Alguns usuários aproveitam da interface anônima para desabafar, mas também para difamar e expor a intimidade de terceiros.

"A opção anônima pode ser comparada ao que acontece em grandes grupos, como torcidas ou gangues. Os instintos mais básicos e selvagens são levados a frente por uma perda da identidade pessoal, que fica protegida no anonimato ou no grupo", conta Roesler.

Quero denunciar um cyberbullying no Secret, como fazer?

A superexposição de terceiros foi uma preocupação que também atingiu os desenvolvedores do Secret, que estão pensando em estratégias para amenizar o problema. De maneira geral, a pessoa que se sentir ofendida com uma publicação pode denunciar de duas maneiras o conteúdo.

O primeiro jeito de denunciar é na própria publicação. Perceba que abaixo de cada caixa existem três bolinhas brancas. Aperte nestas bolinhas e vão aparecer quatro opções, clique em "Denunciar", explique o motivo dentro das opções dadas e, pronto, o conteúdo não será mais exibido para você. Outro jeito é mandando um email, com provas (fotos, prints, etc), diretamente para a equipe: legal@secret.ly.


Por Caroline Sarmento

Comente

Assuntos relacionados: bullyng segredos denuncia aplicativo secret