Saiba o que questionar na escola das crianças

Saiba como participar da vida escolar do filho

Foto: FreeDigitalPhotos http://bit.ly/JHVdLe

É notório que a participação efetiva dos pais na vida escolar dos filhos traz resultados positivos, dentro e fora da sala de aula. Então cada vez mais os pais devem demonstrar interesse não só em saber o que o filho aprendeu ou a lição de casa, mas também questionar com os professores e diretores da escola todas as dúvidas referentes ao aprendizado da criança.

A parceria pais e escola é tão importante que governantes de todo mundo investem em medidas para incentivar a presença das famílias na rotina escolar. Em Nova York existem políticas públicas específicas para estimular a participação dos pais.

Uma das principais iniciativas tomadas pela Prefeitura da metrópole foi nomear coordenadores de pais para cada uma das escolas públicas da Cidade. Esse profissional trabalha como mediador entre a escola e a família: acolhe os pais, tira dúvidas e ajuda quem não pode participar de reuniões da Associação de Pais e Mestres.

No Brasil, o MEC, secretárias estaduais e municipais começam a se engajar nessa luta para envolver a família. As escolas brasileiras mais bem colocadas no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) também têm estratégias para atrair os pais para dentro da escola.

Em Praia Grande, litoral de São Paulo, por exemplo, foram criados os pedagogos comunitários, profissional que atua diretamente com a comunidade, promovendo ações de aproximação entre família e escola, pais e alunos, transmitindo-lhes a consciência do quanto isso é importante, com reuniões, eventos, cursos, palestras e até visitas domiciliares.

Porém, os pais não precisam esperar a iniciativa pública para participar da vida escolar. Para isso, nada como manter aberto o diálogo com professores e direção da unidade onde o filho estuda. Mas nem sempre os pais sabem exatamente como iniciar essa conversa.

O contato pode ser informal, aproveitando as entradas e saídas da escola, ou por meio de um telefonema. "Os pais podem ligar para a escola e perguntar o melhor momento para falar com o professor. Mas a escola deve lembrar que a maioria dos pais trabalha e que, muitas vezes, alguns horários são proibitivos", diz a psicóloga e educadora Ana Inoue.

É papel da escola propor momentos de contato entre pais e professores. Se a escola não fizer isso, a família pode exigir a abertura de um espaço para conversa. Muitos pais, no entanto, podem sentir-se constrangidos em questionar os professores sobre a vida da criança na escola. O motivo, muitas vezes, é o desconhecimento.

Demonstrar interesse pelo aprendizado do filho é o primeiro passo para que ele melhore na escola. Para ajudá-lo na tarefa de iniciar o diálogo com o mestre de seu filho, segue uma lista com dez questões que podem servir de ponto de partida e são bem pertinentes:

1 - Meu filho participa das aulas?

2 - Como meu filho se relaciona com colegas, professores e escola?

3 - Devo ajudar nas tarefas de casa?

4 - Como devo ajudar nas tarefas?

5 - Como posso me integrar à escola?


6 - Qual a rotina da escola em relação às tarefas?

7 - Como a escola organiza comemorações em datas festivas?

8 - Como é o sistema de avaliação do aprendizado do meu filho?

9 - Como é a comunicação entre a família e a escola?

10 - Qual é a sua posição em relação às faltas?

Por Carmem Sanches

Comente

Assuntos relacionados: filhos educação pais escola vida escolar

Quiz de Celebridades!

Quem é mais jovem?