Pequenos fashionistas

Pequenos fashionistas

Suri. Foto/reprodução Just Jared

Não é de hoje que os filhos das celebridades disputam espaço com suas mães quando o assunto é moda. Sempre com looks moderninhos e com pinta de adultos, esses pequenos modelos abandonaram as peças mais tradicionais, com carinha de criança, para virarem alvo dos paparazzi e criadores de tendências fashion.

Para Clécia Lemke, professora de Gestão de Marcas na Sigbol Fashion- Cursos de Moda, a mídia, primeiramente, é a grande responsável por influenciar os pequenos, uma vez que os adultos também tiram proveito disso e passam a ser a referência de confiança para seus filhos.

"Se a criança percebe que sua mãe está adotando a informação visual de moda transmitida pela mídia, então ela passa a imitar a mãe. É como acontece naturalmente na educação, os filhos imitam os pais e isso é fortalecido pelo apoio dos meios de comunicação", explica.

Estas imitações estão presentes, inclusive, nos moldes das roupas. Claro que ainda vemos muitas roupinhas com cortes mais infantis, mas o que a meninada quer mesmo é usar o mesmo look dos pais em versão miniatura. Como falar deste universo sem nos lembrarmos de Suri Cruise, filha de Tom Cruise e Katie Holmes, e Zahara, filha de Angelina Joulie e Brad Pitt?

"Suri, assim como outras famosas, estão presentes constantemente na mídia, sendo protagonista deste movimento cada vez mais intenso, o das crianças imitadoras da moda adulta", comenta Clécia. "Sem contar que muitos famosos exibem suas marcas de preferência e são constantemente flagrados por paparazzi em todo o mundo, apoiando publicamente aquela marca ou look. Moda é comunicação, uma forma de se expressar socialmente", acrescenta.

Diante desta nova tendência, a professora pensa que o importante é aliar os dois universos, infantil e adulto, mantendo a tematização infantil nas roupas, mas com modelagens e composições de looks adultos. "Ou seja, continuaremos com as estampas delicadas e divertidas do mundo infantil, mas com um toque de uma modelagem skinny ou uma jaqueta de proporções mais enxutas, por exemplo. O importante é que as marcas de moda não eliminem o encanto das peças e nem criem um adulto precoce".


Para Clécia, os filhos de famosos que chamam atenção pelo guarda-roupa fashion são crianças com personalidade próprias e que, através da moda, são orientados a desenvolver sua originalidade. "A busca por uma posição de destaque é a marca deste século. É como se os adultos e crianças estivessem à procura da felicidade, sempre numa constante insatisfação. E é justamente nesse ponto que a criança é influenciada pela mídia mercadológica, que diz que ela será mais feliz se consumir tal produto", afirma.

Assim, a professora defende que os pais não podem permitir que seus filhos sejam simplesmente imitadores dos movimentos de moda, mas sim, incentivá-los para que busquem sua identidade pessoal na forma de se vestir.

Por Juliana Falcão (MBPress)

Comente