Dicas que vão ensinar seu filho dar valor ao dinheiro

As orientações são dos especialistas em educação financeira Álvaro Modernell e Cássia D'Aquino e podem ajudar você e seus filhos a lidar melhor com o assuntoPor Flávia Gianini

Educação financeira não se resume a ensinar a poupar. Crianças precisam aprender também como gastar o dinheiro. Siga as dicas dos especialistas para acertar na educação financeira do seu filho:

1 - Criança precisa de exemplos práticos para começar a entender o valor das coisas. Se a família pretende viajar nas férias, esse pode ser um bom começo para pedir ao seu filho que participe das economias da casa para esse objetivo;

2 - Não esconda as dificuldades financeiras nem sustente um padrão de vida irreal. A criança pode se tornar um adulto que faz qualquer coisa para aparentar um poder aquisitivo que não tem;

3 - Dê mesadas com regularidade. O mais importante não é o valor, mas a regularidade dos ?pagamentos?. Cumpra o que for combinado;

4 - Não impeça seu filho de gastar o dinheiro que é dele. Haverá erros e acertos, mas parte do processo de aprender a economizar o dinheiro é saber como gastá-lo. Isso inclui fazer escolhas e, eventualmente, arrepender-se;

5 - Mantenha o planejamento. Evite dar às crianças mais do que o valor da própria mesada regular. Todos devem se acostumar, desde cedo, a viver dentro do seu padrão de renda e a fazer seu orçamento pessoal;

6 - Tarefa doméstica não deve ser remunerada. Fazer isso diminui a autoridade dos pais. A criança deve ajudar em casa porque faz parte da família;

7 - Boas notas escolares não devem ser motivo de pagamento. Pagar por boas notas na escola é mostrar à criança que o importante é o resultado, e não o aprendizado;

8 - Cartão de crédito é coisa de adulto. O cartão ensina somente a gastar e nunca a economizar, que é um conceito fundamental;

9 - Ensine o valor do dinheiro. Esclareça a diferença entre querer e precisar de alguma coisa. Estimule seus filhos a comparar preços e evite comprar aquilo que elas considerarem caro, mesmo que você possa fazê-lo.

JM ainda é pequeno para praticarmos algumas dicas citadas acima, mas ele já entende que dinheiro tem valor e serve pra comprar alguma coisa.No aniversário de 3 aninhos, ele ganhou um cofrinho cheio de moedinhas. Ele amou o presente e ficava pedindo pra abrir o cofrinho várias vezes pra 'contar' as moedinhas.Combinamos que iremos sair pra comprar um presente pra ele com o dinheiro do cofrinho (dica 4). Já pensei em algumas coisas, que são mais ou menos o valor total do cofrinho, pra facilitar na hora da compra.


]

Comente