Dicas para o filho que se prepara para o vestibular

vestibular e cursinho

foto divulgação

Quem tem filhos que dedicarão este ano à preparação para o vestibular sabe das dificuldades e estresse do período. Quem almeja uma vaga na faculdade no próximo ano deve começar a preparação desde já. E para encarar o forte ritmo de estudos e bom disciplinar a rotina desde já.

O vestibular é um concurso, como outro qualquer: são aprovados os mais bem preparados. Esse tipo de preparação é especialidade dos cursinhos. Segundo o coordenador geral do Anglo Vestibulares, Nicolau Marmo, bom apoio psicológico e físico, aliados à autodisciplina do estudante, geram nele a autoconfiança necessária para fazer uma boa prova.

Marmo recomenda aos estudantes de cursinho que dediquem cerca de 4 horas do dia, além das aulas, para o estudo das matérias vistas no dia. A intenção deve ser sempre aprender e não decorar.

Também é importante fazer alguma atividade física e separar um tempo para o lazer, sem extrapolar e ir dormir de madrugada. Domingo deve ser dia sagrado de descanso.

Para os vestibulandos que ainda estão cursando o Ensino Médio, uma boa dica é procurar um curso intensivo na véspera dos exames vestibulares. “Dessa forma, o estudante tem a chance de revisar parte da matéria vista no decorrer do Ensino Médio”, conta Marmo.

O papel dos pais, que nessa situação podem acabar pressionando os filhos, é muito importante. “Deve-se evitar perguntas e cobranças durante essa fase, ceder um lugar isolado de estudos em casa e, nessas horas, não interromper o filho é a maneira mais recomendável de ajudá-lo”, finaliza.

Dê carinho, apoio e auxilie seu filho a distribuir bem o tempo entre o estudo, esporte, lazer e convivência familiar.

Por Karina Conde

Comente

Assuntos relacionados: filhos vestibular estudos