Como deixar as crianças brincarem no parque com segurança?

parque crianças

Foto - Shutterstock

Levar os filhos para brincar no parque pode ser uma tarefa desestressante e indicada para quem quer deixar os pequenos em contato da natureza, rodeados de brinquedos reais, dando um tempo no mundo virtual.

Mas alguns cuidados devem ser tomados com as crianças nos parques, para que não passem por apuros ou acidentes. De modo geral, a regra número 1 é conversar com os filhos sobre quais cuidados tomar nos brinquedos ou riscos que podem acontecer. Claro, sempre de maneira leve para cada idade.

Outra dica é a de ficar atenta às placas sobre a faixa etária que cada brinquedo corresponde. As idades são subdivididas para garantir a segurança dos pequenos, pois muitos brinquedos são muito grandes ou largos para os mais novos, assim como outros são menores para os mais velhos.

Se for levar a criançada para se acabar no parque, fique atenta ao tempo. Em dias de sol, opte por roupas leves, mas sempre carregue o casaquinho da meninada. Em dias de frio, toucas e casacos podem ser levados, mas retirados na hora da diversão - correntinhas e bijuterias também. Assim nada poderá enroscar nos brinquedos e provocar algum acidente.

Veja algumas dicas para alguns brinquedos clássicos:

Gangorra

Fique sempre em alerta com as quinas, para que os pequenos não se machuquem e tenham ferimentos - mesmo que leves. Se preocupe em ver se há apoios firmes e antiderrapantes, além de levá-lo ao equipamento certo para a sua altura. Deixe que as crianças brinquem com outras do mesmo tamanho, para garantir o equilíbrio.

Gira-gira

Os modelos de gira-gira no Brasil são aqueles em que as crianças ficam sentadas. Como não há proteção externa, a solução é garantir que o brinquedo não gire muito forte e que a criança saia com segurança de lá - a atração pode provocar tonturas.

Balanço

O equipamento deve ter uma proteção frontal para crianças de até 3 anos. Um adulto deve ficar por perto para garantir que os filhos saiam com segurança do brinquedo e não balancem muito forte o equipamento. Certifique-se de que não há pessoas passando por perto - ninguém quer causar acidentes a outras pessoa, certo?

Escorregador

Teste, antes da meninada brincar, para ver se o equipamento está firme, sem lascas ou pregos. Fique por perto, enquanto os filhos escorregam. Dê uma mãozinha para aqueles que precisam de ajuda e prefira os escorregadores com corrimão.


Por Caroline Sarmento

Comente

Assuntos relacionados: crianças brinquedos cuidados segurança parque