Boneca que mama no peito causa polêmica

Boneca que mama no peito causa polêmica mundial

Foto/ Reprodução site Lil Sugar

A boneca Breast Milk Baby, em português "bebê do leite materno" já pode ser adquirida pelos pais americanos. Mas com seu lançamento, uma série de questionamentos surgiu. Entre opiniões contrárias e a favor, a pergunta que fica é: é saudável para a criança uma boneca que possa ser amamentada pelas meninas? Com uma camisetinha que reproduz os seios, a boneca mama fazendo movimentos e barulhos de sucção. Lançada na semana passada, a boneca custa US$ 69,99 o equivalente a R$ 109,00.

A boneca vem acompanhada de uma camiseta para as crianças, com duas flores onde se localizam os mamilos, já um sensor capta os movimentos da boneca, que começa a emitir sons de sucção. O representante da Berjuan, fabricante da boneca dos Estados Unidos, Dennis Lewis, afirmou que o objetivo do produto é ensinar as crianças a importância de amamentar seus filhos no futuro. Muitas pessoas classificam o produto como "bizarro" e "assustador". Há quem diga inclusive que o produto incentiva a sexualidade e a pedofilia.

Uma professora de Harvard declarou ao site Time Healthland que há confusão entre sexo e amamentação pelas pessoas que estão criticando o produto. "As pessoas estão confundindo amamentação com sexo", afirmou Melissa Bartick. A professora ainda disse que as mamadeiras que acompanham a maioria das bonecas passam uma mensagem errada e não natural para as crianças.

Segundo o representante da marca o produto permite que as meninas brinquem de cuidar do bebê de forma natural, em vez de usar mamadeira, como em outros brinquedos do tipo. "As meninas podem aprender mais uma forma de cuidar de um bebê, assim como se estivessem trocando, dando banho ou ninando", afirmou em comunicado.

O apresentador de TV Bill O'Reilly, do canal de notícias Fox News, levou o tema para debate, e conseguiu parar o programa com ele. Segundo O'Reilly a boneca não é apropriada e as crianças devem ser crianças, enquanto um convidado do programa afirmou que a boneca o deixava horrorizado. A fabricando respondeu às críticas afirmando que o canal de TV apoia grandes empresas que querem que os bebês se alimentem com fórmulas infantis, ainda que a ciência já tenha demonstrado os benefícios do leite materno.

Mães opinam

Mãe de dois filhos, entre eles uma menina de 12 anos, Elaine Ferraz não gostou da boneca. "Não daria para minha filha, acho que tudo tem seu tempo, criança tem que ser criança. Minha filha já teve bonecas bebês, inclusive uma que fala, mama na madeira e outras que não faziam nada. Mas ela nunca teve esse desejo de amamentar",afirmou Elaine.

A advogada e mãe, Camila Souza, tem uma bebê de 2 aninhos e afirma que apenas daria o brinquedo caso a criança pedisse. "Eu não compraria de livre e espontânea vontade, mas se ela me pedisse, ou ganhasse a boneca, eu deixaria brincar mesmo porque eu lembro que quando eu era pequena eu fingia que dava de mamar para as bonecas. Mas com essa idade que ela tem hoje não dava de jeito nenhum", lembrou Camila.


Porém, a mãe ressalta que acredita ser precoce e aposta em brinquedos mais educativos. "Acho que tem outros brinquedos muito mais educativos e que a conscientização da amamentação deve atingir mulheres que serão mães, não crianças que ainda não tem noção do que é amamentar". E você? O que pensa sobre a boneca?

Por Catharina Apolinário

Comente