Aprovado projeto de multa para quem proibir amamentação em público

Projeto de lei que prevê multa de R$500 para estabelecimento que impedir mãe de amamentar em público
amamentação em público

foto: reprodução

Um projeto de lei que prevê multa de R$500 para o estabelecimento que proibir ou constranger uma mãe durante a amamentação foi aprovado em segunda votação na Câmara de São Paulo e agora vai para a sanção do prefeito Fernando Haddad (PT).


O projeto foi criado pelo vereador Aurélio Nomura (PSDB), após uma mãe ser proibida de amamentar no Sesc Belenzinho, em São Paulo. O caso gerou uma grande repercussão nas redes sociais e um grupo de mães realizou um mamaço (amamentação coletiva) no local sob forma de protesto.

O aleitamento materno é de extrema importância para a saúde do bebê. A própria Organização Mundial da  Saúde recomenda a amamentação de livre demanda, ou seja,  a amamentação sempre que o bebê quiser – e isso pode acontecer em qualquer lugar. 

Por Jessica Moraes

Comente

Assuntos relacionados: amamentação