Aprendendo com a nova geração

Somos uma geração previlejada?

Creio que com minha cultura e educação consegui trazer junto a mim meus 5 netos com idades que variam de 9 a 22 anos. Meus conhecimentos de línguas, informática e história fizeeram cada me procurar sobre algum assunto e preparar todos desde os 5 ou 6 anos a usarem o computador como um amigo inteligente. Hoje corro para estar ao lado deles. São todos pesquisadores de alguma copisa que gostem e logo envia, as novidades para mim, antes de mostrar aos pais. Sou uma avó feliz que vê cada atrás de seus sonhos. Os que estão cursando faculdades se ligam a mim nos conhecimentos, assim como os pequenos que querem que lhes conte sobre os antecedentes.

Eu me orgulho deles porque o novo milênio tem lhes dados mais conhecimentos, sem prejudicá-los até o presente.

Pertencem a uma geração que se diverte com cautela. Seus pais lhes deram as bases para 2 deles poderem viver 1 ano em pa[ises como Austrália, Israel e Espanha com bolsas conseguidas com seus próprios esforços!

Eis aí um texto de uma avó 2009 que vibra com os filhos e netos no novo milênio!

Comente