Alimentos ricos em vitamina D

Vitamina D

IStock/photka

O sol é uma das fontes mais ricas de vitamina D para crianças e adultos, mas não a única. Sabe-se que alimentos como o atum, o arenque e a sardinha, gema de ovo, óleo de fígado de bacalhau, leite integral, manteiga e iogurte são boas fontes dessa energia.

Especialistas informam que os leites e produtos lácteos são as melhores fontes do mineral, porém folhas verde-escuras, semente de gergelim, soja, sardinha, salmão e quinua também são boas fontes de cálcio.

A ausência de vitamina D enfraquece os ossos, causa maior propensão de contrair infecções, vulnerabilidade a apresentar transtornos de humor e quatro vezes mais riscos de desenvolver diabete tipo 1.

Pesquisas realizadas na Harvard Medical School (EUA) e pelo Hospital Infantil de Ontário (EUA), mostram que crianças com deficiência em vitamina D são mais propensas a ficarem doentes e a passarem mais tempo internadas do que aquelas que apresentavam níveis normais do nutriente.

Na ocasião, o estudo avaliou a quantidade de vitamina D em cerca de 500 crianças, entre 5 e 9 anos de idade, internadas na unidade de Terapia Intensiva Pediátrica (UTIP) do Hospital Infantil de Boston, durante um período de 12 meses. Eles descobriram que duas em cada cinco crianças (40%) eram deficientes em vitamina D e que as taxas mais baixas eram relacionadas à baixa imunidade e a doenças mais graves.


É sempre bom destacar que a exposição ao sol continua fundamental para que o organismo consiga aproveitar a vitamina D que você consome. Crianças devem passar, no máximo, dez minutos embaixo do sol, e até os seis meses de idade não podem usar filtro solar, pois a pele do bebê é sensível demais para receber esse tipo de produto.

Por Natália Farah

Comente