5 maneiras dos pais evitarem o ciúme do irmão mais novo

irmão mais novo

foto: Shutterstock

É comum e natural que a chegada de um bebê em casa provoque estranhamento e ciúme na criança mais velha. Mas como fazer para evitar o ciúme do irmão mais novo? A psicóloga, psicanalista e fundadora do premiado berçário Primetime Child Development, Christine Bruder, dá algumas dicas importantes sobre o assunto. Veja, abaixo!

1 - É muito importante que enquanto cuida do mais novo, a mãe vá conversando e explicando ao mais velho que ele também esteve na barriga da mamãe, mamou o leitinho, dormiu no colo, etc.

2 - Os dois devem olhar juntos o álbum de fotos daquela época e ver tudo que passaram na companhia um do outro até hoje. Independente da idade do primogênito, conversar sempre ajuda a criança a recuperar memórias afetivas e fortalecer essa ligação tão especial;

3 - Idealmente, os pais devem conversar com o filho mais velho sobre a chegada do mais novo quando a barriga da mãe tornar-se visível e o mais velho poder sentir o volume do bebê novo na barriga da mãe. Crianças pequenas precisam enxergar, sentir concretamente a presença do bebê para assimilá-lo.

4 - Os pais podem convidar o filho mais velho a participar dos cuidados com o bebê sendo ele uma espécie de ajudante da mãe, buscando o sabonete e a toalha do banho, escolhendo a fralda, abrindo o creme, mas por razões de segurança, quem deve lidar fisicamente com o bebê continua sendo a mãe.

5 - Além dos cuidados diários, o irmão mais velho pode contar sua história preferida ao bebê, cantar e apresentar a casa a ele. O contato físico com o bebê é importante para o mais velho. Nesse caso algumas regrinhas devem ser estipuladas: Para segurar o bebê, o mais velho deve estar sentado no chão, com perna de índio e braços em conchinha, daí o adulto coloca o bebê em seus braços e fica ao lado monitorando, claro! Tudo com muita serenidade, demonstrando confiança no mais velho!


Por VilaMulher

Comente

Assuntos relacionados: filhos