Passaportes de crianças: veja as mudanças que foram feitas

Saiba quais foram as mudanças no novo sistema
passaporte-crianças

Foto - Reprodução/agorasoumae

A Polícia Federal criou um modelo novo de passaporte para acelerar o embarque de crianças e adolescentes que viajam sozinhos ou sem um dos pais. Os passaportes emitidos a partir de agora vão trazer uma autorização automática para que o menor de idade possa viajar apenas com um dos pais ou até desacompanhado. 

Outra novidade: a filiação do dono do documento também vai aparecer. Isso vai dispensar a apresentação da Certidão de Nascimento do passageiro na hora do embarque. A autorização impressa no passaporte substitui os documentos emitidos hoje no cartório ou no Juizado de Menores, mas é opcional. Os pais que quiserem podem manter a autorização tradicional a cada embarque para fora do país.

A Polícia Federal recomenda muito cuidado na hora de decidir. “No caso de crianças menores, em que ainda não tenham atingido uma idade acima dos 12 anos, que os pais pensem muito bem se vão conceder a autorização para viajar desacompanhado. 

Nas crianças maiores, em que há uma confiabilidade maior de comportamento, aí que seja concedido a possibilidade de viajar desacompanhado”, afirma o delegado da Polícia Federal Júner Caldeira.

Vale ressaltar que a autorização via passaporte também não é obrigatória. Os pais que preferirem podem permanecer com o sistema antigo (documento particular com firma reconhecida, especificando o destino, prazo e acompanhante da viagem), método mais seguro e que pode evitar diversos transtornos.


Por Vila Mulher

Comente

Assuntos relacionados: passaporte viagem internacional