4 maneiras de ensinar solidariedade aos filhos

Veja como ensinar ética e generosidade aos pequenos
solidariedade-crianças

Foto - Shutterstock

Você ensina para seus filhos que a felicidade de todos está acima da felicidade própria? De acordo com uma pesquisa da Universidade de Harvard, 96% dos pais pensam na solidariedade e na generosidade como valores primordiais para ensinar aos filhos. 


No entanto, depois de entrevistas realizadas durante o estudo, foi constatado que cerca de 80% dessas crianças estão mais preocupadas com a própria felicidade. Entre as respostas, tirar notas altas seria mais valorizado pelos adultos do que participar de atividades comunitárias, por exemplo.

Incentivar a ser solidário é fundamental para a formação de caráter das crianças, além de afastá-las do bullying, racismo e preconceitos de qualquer. Se essa também é uma preocupação recorrente, nós listamos 3 maneiras eficazes de ensinar a solidariedade aos pequenos.

Dê exemplo

Praticar a solidariedade em pequenos gestos do dia a dia ajuda a criança a entender e absorver melhor o que está sendo passado, como por exemplo, um pai se prontificar a ajudar a mãe nas tarefas, você ensinar a criança a emprestar coisas para os amigos e até mesmo ser bondoso em casa. Você tem sido tolerante? Pense nisso!

Não a poupe da realidade

Os adultos têm mania de esconder situações tristes das crianças, mas a partir dos 3 anos elas já estão aptas a lidar com o sofrimento. Visitar parentes no hospital pode ser bom para elas entenderem que algumas pessoas precisam de cuidados e carinhos. Seja sempre verdadeira com eles: o dinheiro apertou e precisarão reduzir gastos? Explique isso a eles. Alguém foi demitido? Explique o que esse problema representa para a família. Aos poucos a criança vai demonstrar entendimento das coisas e terá outra reação diante desse e outros fatos.

Ensine o sentido da felicidade

As crianças têm que entender desde pequenas que não adianta nada serem felizes sozinhas; não adianta ter boas notas e ver a vovó no hospital. A felicidade plena depende de um conjunto. Dessa maneira, você ensina que para ser feliz completamente, a felicidade dos outros é muito importante.

Por Helena Dias

Comente

Assuntos relacionados: solidariedade crianças