Vovós, mães feitas de açúcar

Um netinho, principalmente o primeiro, e quando se pode prever, o caçula, são alvos certos das boas avós. Ajuda certa e mimo também, principalmente quando a iniciativa em ficar com o bebê parte delas.

A princípio só vantagens, pois essas doces avós com certeza tratarão nossos bebês com todo carinho do mundo, são experientes e não custa nada. Achamos até que estamos fazendo um favor em ocupar o tempo, algumas vezes ocioso, dessas senhoras que de repente se vêem com a casa cheia de alegria novamente.

Enxoval duplo, pois o bebê realmente estará “em casa” ficando com a vovó. Maior sorte ainda das mães que conseguem convencer que a vovó deve ir para casa do bebê, o que elimina até a desvantagem de tirar o bebê de casa muitas vezes cedinho ou em dias de chuva.

Comidinha natural, feita em casa, com amor e carinho, na maioria das vezes bebês com avós são gordinhos! Mas, então, cadê as desvantagens desse paraíso que elencamos até aqui?

Pois é, acho que você já deve ter ouvido falar que quem educa é a mãe, que para as avós, seus netinhos tudo podem, e quem sabe até, coitadinhos deles para cada não que você der. Você deve estar preparada para lidar com essa adversidade. Na maioria dos casos cheias de amor e carinho, as avós são incapazes de dar bronca e obrigar as crianças a comerem no horário certo ou guardarem seus brinquedos, e o maior de todos os agravantes nesses casos, é que a avó é sua mãe ou sua sogra, e você pode até deixar recomendações sobre como cuidar de seu bebê, mas não ordens, e mesmo que deixe uma das opções, certamente irá ouvir que elas já criaram os filhos e sabem o que estão fazendo, e certamente será ignorada!

Como todas as opções têm vantagens e desvantagens, pense bem, e principalmente para essa opção, com aval de seu marido, pois voltar atrás irá aborrecer a vovó feita de açúcar que está se preparando para passar lindos dias com seu netinho!

Leia também - O papel dos avós

Michelle Maneira é pedagoga, com pós-graduação em psicopedagogia e especialização em tecnologias educacionais, professora de educação infantil da rede pública.

Comente