Bebê abandonado recebe 200 mil dólares em doações para cirurgia

bebêabandonado

Foto - Pattaramon Chanbua/AFP

O abandono de um bebê tailandês têm gerado polêmica e muita solidariedade. O pequeno Gammy nasceu com síndrome de Down e foi rejeitado por um casal de australianos. Tudo começou pela contratação de uma barriga de aluguel, da tailandesa Pattaramon Chanbua, de 21 anos.

A jovem gerou os filhos gêmeos dos australianos, porém, quando Gammy nasceu, o casal decidiu ficar apenas com a irmã do garotinho, que não tem a síndrome.

Segundo a imprensa australiana, o casal pediu à mãe biológica tailandesa para abortar os fetos quando os exames mostraram que um dos bebês tinha síndrome de Down. Pattaramon alegou que sua religião, o budismo, é contra o aborto.

Entretanto o pai biológico nega que tenha abandonado o menino intencionalmente em entrevista ao site da TV australiana ABC nesta segunda-feira (4) e afirmou que o médico da clínica falou apenas da menina para o casal.

Diante do abandono do pequeno, a mãe afirmou que deseja cuidar ela mesma do bebê. "Eu mesma cuidarei de Gammy. Não darei ele a ninguém", disse em entrevista ao grupo de imprensa australiano Fairfax Media.

E por conta desse ato de amor muita gente se tornou solidária à Pattaramon e ao pequeno Gammy, tanto assim que ela já recebeu mais de 200 mil dólares (450 mil reais) de pessoas de todo mundo, após uma campanha online, para ajudar na cirurgia do pequeno que está internado desde a semana passada por conta de uma doença congênita no coração

O hospital onde Gammy está internado tem diversos especialistas em síndrome de Down, e seus funcionários se comprometeram em cuidar do bebê e da mãe de aluguel.

Barriga de Aluguel

A agência de barriga de aluguel em Bangkok prometeu a Pattaramon 9.300 dólares, mas ela não recebeu todo o dinheiro desde que os bebês nasceram, em dezembro. Na Austrália é ilegal pagar uma mãe de aluguel e em alguns estados, com exceção ao que mora o casal, também é ilegal pagar por uma mãe de aluguel em outro país.


Por Vila Mulher

Comente

Assuntos relacionados: abandono barriga de aluguel