Amamentação: quantas vezes por dia?

Amamentação quantas vezes por dia

Dúvidas sobre amamentação? O Vila Mulher responde. Uma delas é em relação ao “leite fraco”, um mito conforme Alfredo Elias Gilio, diretor da Divisão de Clínica Pediátrica do Hospital Universitário da USP. Quando isso acontece, a mãe acha que o bebê não está bem alimentado e acaba eliminando as mamadas. “Não existe leite fraco. O leite materno é único alimento do qual a criança necessita até os seis meses de idade. Por isso, é essencial que a mãe seja orientada por um pediatra ou profissional da saúde experiente”, explica o especialista.

Antes do parto use um sutiã especial e hidrate a pele com óleo de amêndoas ou manteiga de cacau. A higiene dos seios deve acontecer no banho diário e é proibido o uso de álcool ou água boricada nos mamilos e auréolas. A partir da 22ª semana de gestação é comum aparecer o colostro, líquido claro ou amarelado rico em nutrientes que será o primeiro alimento do recém-nascido.

É possível saber se o bebê mama o suficiente nos primeiros dias de vida verificando alguns itens: se a técnica de amamentação está correta, se há um bom esvaziamento de um dos seios em cada mamada, se o bebê urina pelo menos seis vezes ao dia e se está ganhando de 20 a 30 gramas de peso diariamente.

O recém-nascido precisa ser amamentado freqüentemente nos primeiros dias. Na prática, isso significa 10 a 12 vezes em 24 horas. Cada criança tem seu ritmo próprio, que deve ser respeitado. Alguns recém-nascidos são exageradamente dorminhocos. Nos primeiros dias, se o bebê estiver dormindo por períodos maiores que três horas, devemos acordá-lo para mamar.

Com o tempo, ele próprio estabelecerá o seu intervalo. Pense que ele deve ser de acordo com a necessidade da criança - a partir dos sinais de fome - ou da mãe - quando está com seios cheios.

Fonte:

Manual de Amamentação

Autores: Dr. Alfredo Elias Gilio, Dra. Alice D’Agostini Deutsch e Dra. Virginia Spinola Quintal.

Por Juliana Lopes

Comente