Quanto custa um dia em uma cidade-sede da Copa?

copadinheiro

Foto - Shutterstock

O torcedor que for acompanhar os jogos em uma das 12 cidades-sede do Mundial vai ter que desembolsar pelo menos mil reais por dia. É isso que aponta uma pesquisa do site TripAdvisor realizada de abril a maio. Foram levantados a média de preços e o gasto total para uma pessoa com base nos seguintes itens: ingresso para os jogos , hospedagem, alimentação, bebidas e transporte.

O torcedor que for acompanhar os jogos da primeira fase em Cuiabá (MT) ou em São Paulo (SP) será o que mais vai economizar. Segundo a pesquisa, um dia na capital paulista sai pelo total de R$ 1.062,64 (o jogo da abertura não está incluído nessa pesquisa). Em Cuiabá o custo é mais baixo: R$ 1.018,40. Boa notícia, principalmente para o bolso dos fãs estrangeiros, já que a cidade matogrossense não receberá nenhum jogo do Brasil durante toda a competição.

Para o torcedor brasileiro, Brasília é a opção mais econômica

Nas outras duas cidades que receberão o Brasil durante a primeira fase do torneio (São Paulo será o palco do primeiro jogo), Brasília apresenta o menor valor, R$ 1.195,32. A capital federal é mais cara do que Fortaleza, onde os custos chegam a R$ 1.341,68.

Rio de Janeiro tem o custo mais elevado

Torcedores de Argentina, Bósnia- Herzegóvina, Espanha, Chile, Bélgica, Rússia, Equador e França precisarão preparar o bolso para acompanhar suas respectivas seleções, pelo menos se estiverem pensando em assistir um jogo da fase de grupos no Maracanã. O Rio de Janeiro tem o custo total mais elevado entre as 12 cidades-sede, R$ 1.520,46. Fortaleza (R$ 1.341,68) e Manaus (R$ 1.234,47) completam a lista das três mais caras para torcer. Entre todos os itens pesquisados, os gastos com a hospedagem são o principal responsável por transformar a Cidade Maravilhosa na cidade mais cara do Mundial.

Gastos com hospedagem representam a maior parcela nos custos

Entre todos os itens pesquisados pelo TripAdvisor, os gastos com hospedagem representam a maior fatia no valor total, chegando a 66% dos custos. Excluindo esse item, Recife passa a ser a cidade mais barata para curtir um dia no torneio (R$ 500), Salvador vem logo em seguida com custo total de R$ 513, 13 à frente de Manaus (R$ 515,83).

A Pesquisa levou em consideração preços de hospedagem, transporte, alimentação e ingressos para as partidas.


Por Vila Mulher

Comente