Público gay consome 30% mais

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+

A Parada Gay reuniu 4 milhões de pessoas em São Paulo. Na maior manifestação do mundo, não faltam consumidores que adoram gastar e empresários querendo investir.

Restaurante, sites, academia e bares voltados para eles, revelando que o mercado está cada vez mais segmentado. Segundo informações do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas), o consumidor homoafetivo gasta 30% a mais do que os heterossexuais.

Com os números animadores, não faltam novos empresários de olho nesta fatia. Três amigos não perderam tempo e criaram o um site de compras coletivas para gays chamado Baphoo.

No primeiro dia, foram mais de 2 mil acessos e 600 cadastros. Outro site é o Gothan for man, que faz alusão a cidade dos personagens Batman e Robin.

Como diversão, produtos e serviços são os itens mais procurados, no site não faltam ofertas que agradam a todos, como sessão de bronzeamento, book fotográfico, entre outros.

Por Lívany Salles

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+

Comente

Assuntos relacionados: finanças consumidor glbt