Planejamento das compras de Natal

Planejamento das compras de Natal

Quem ainda não começou a jornada das compras de Natal certamente vai enfrentar muitos obstáculos por aí. Sem paciência para buscar os melhores preços, por conta das filas intermináveis nos estacionamentos dos shoppings, ou mesmo dentro das lojas, muitas gente acaba gastando mais do que imaginava antes de sair de casa.

Segundo o Procon, cerca de 50% dos brasileiros não têm o hábito de planejar e controlar seu orçamento doméstico, ainda mais em épocas como essa. Quem não está querendo fazer parte da estatística ainda dá tempo para se organizar e planejar as compras.

Antes de sair de casa faça uma listinha de quem você quer presentear: amigos, parceiros, colegas de trabalho, familiares, ou mesmo pessoas que você gostaria de retribuir, e com o que imagina para cada uma. Esse foi o comportamento da produtora de moda Amanda Souza. "Pensei em uma quantia limite. A partir daí estabeleci valores para os meus familiares e amigos mais próximos e busquei alternativas com as preferências deles", conta.

Na opinião da consultora financeira, Suyen Miranda, quanto antes comprar melhor, para que a pesquisa de onde se tem o melhor custo seja feita com calma. "Normalmente, a compra feita perto do Natal gera um estresse de falta de produtos, dificuldade para estacionar o carro próximo a lojas, e, por vezes um custo mais caro por conta da correria do Natal", lembra.

Se você tem uma lista muito grande e vai aderir às lembrancinhas vale seguir a regra dos presentes padronizados, ou seja, aqueles com características em comum. Kits de beleza para amigas, livros às pessoas do trabalho, etc.

No dia das compras nunca é bom levar dinheiro vivo, mesmo porque algumas lojas oferecem boas condições para pagamentos a prazo com cartões. Conforme a consultora financeira, pagar tudo a vista ou mesmo com o que sobrou do 13 pode ajudar. "Mas aconselho guardar um parte para os atrasados ou mesmo para uma reserva no novo ano. Evite também cheques pré-datados".

Na hora de comprar a prazo lembre-se que as prestações sempre enganam. Compare o total a prazo com o valor à vista. Observe que nem sempre a menor taxa de juros é a melhor compra. Lojas que oferecem pagamento em "x vezes sem juros" já embutiram a taxa no preço inicial do produto.

No planejamento também dá para incluir as compras pela internet. Em várias lojas de varejo online você encontra preços mais baratos do que nas lojas físicas. Escolha sempre os sites de confiança, afinal, dados sigilosos como número do cartão serão fornecidos. Para isso observe no canto direito da tela se o site é seguro por meio de um ícone especial, como uma chave ou cadeado. E verifique o que foi acordado, como data de entrega e preço do frete.


Com isso você garante que o presente chegue dias antes na sua árvore de Natal sem passar apuros, ou ainda, aqueles que estão longe também vão ter uma lembrança sua nesta data especial.

Por Juliana Lopes

Comente