Garrafas PET trocadas por descontos

Garrafas PET trocadas por descontos em máquina

Um método simples para uma questão urgente para o planeta. Uma obra engenhosa que troca resíduos para reciclagem por descontos. Da mesma forma que se compra um refrigerante. Basta ir até a máquina, inserir o produto a ser reciclado e aguardar o cupom.

No site da empresa paulista Susten Trading, responsável por trazer o equipamento, há uma explicação de como funciona o sistema, que leva 2 minutos para concluir todo o processo, composto por quatro etapas. Primeiro, a garrafa tipo PET é introduzida na máquina e fotografada por uma câmera ultra veloz, que vai identificar o objeto.

Após identificar o produto, vai para a segunda etapa, que consiste em pesar a garrafa para garantir que a mesma está vazia. Em seguida, passa por um detector de metais. E, finalmente, escaneada por um sistema à laser. Somente depois desses procedimentos é que ela será picotada para ocupar menos espaço.

Em breve deverá estar disponível para a população em estabelecimentos diversos. Com a nova legislação brasileira sobre Resíduos Sólidos (lei 12.305/2010), que foi aprovada no ano passado, a máquina é um ótima solução para fabricantes, que agora são responsáveis por lei pelo destino final do lixo que resultou da utilização de seus produtos.


Para se ter uma ideia, somente no ano passado foram produzidas 195 mil toneladas de resíduos diariamente no Brasil. O resultado final foram 60,8 milhões de toneladas de lixo, sendo que pouco mais de 10% deste montante não foi sequer coletado, segundo a Abrelpe (Associação Brasileira das Empresas de Limpeza Pública e Resíduos Especiais).

Por Lívany Salles

Comente

Assuntos relacionados: finanças empresa lixo reciclagem máquina garrafa