Entenda porque o consórcio pode ser um bom negócio

Saiba como driblar os juros altos

Se você não quer entrar numa dívida de financiamento você tem a opção de fazer um consórcio. E essa modalidade tem tido sucesso, tanto que, em maio deste ano, registrou 10 mil participantes - crescimento de 158% em relação ao mesmo mês de 2010. As informações são da Associação Brasileira de Administração de Consórcios (Abac).

"O grande público ainda não tomou total conhecimento da variedade de serviços disponíveis por meio do consórcio. Além disso, apenas algumas empresas oferecem a modalidade", afirma o presidente regional da Abac, Luiz Fernando Savian, que ainda ressalta que o número de empresas interessadas neste setor tem crescido.

Os mais contratados, segundo a associação, são consórcios de eventos e festas, seguidos de saúde e estética; e as taxas de administração variam em média de 0,7% a 0,8% ao mês. "Enquanto isso, um financiamento cobra taxas de juros de até 6% ao mês, dependendo do banco e do cliente", ressalta o presidente da Abac.

Fique por dentro

Na hora de contratar, só é necessário que o valor do crédito seja definido. "É um produto flexível. Caso a pessoa tenha um objetivo ao começar a pagar e mude de ideia, é possível trocar, contanto que continue sendo um serviço", diz a gerente de marketing da Embracon Consórcio, Gisele Paula.

Por Livany Salles

Comente