Como se alimentar bem na correria do dia a dia?

Coma bem mesmo na correria do trabalho

Foto: Darren Kemper/Corbis

Nem todo mundo tem o privilégio que fazer pelo menos cinco refeições por dia (café da manhã, lanche, almoço, lanche e jantar). A correria do dia a dia que assola a mulher moderna - leva filho à escola, trabalha, cuida da casa e do marido - acaba prejudicando seu metabolismo.

Sem uma dieta regradinha aqueles quilinhos a mais voltam a aparecer, a calça não entra, a blusa não fecha e começa a bater aquele desespero. Para dar conta de todas as tarefas em casa e, principalmente, no trabalho, a mulher acaba chupando uma balinha ou tomando um café puro para tentar driblar a fome. Ou ainda recorrendo ao fast food quando o estômago começa a reclamar de verdade.

Em recente pesquisa feita pela empresa CPH Health Solutions, com mais de 45 mil trabalhadores de todo o Brasil, foi comprovado que 55% deles, principalmente executivos, consomem frequentemente alimentos ricos em gordura, 42% estão acima do peso e apenas 28% conseguem manter uma dieta alimentar de qualidade.

Se você está com medo de entrar para esta estatística ou já faz parte dela e quer achar um jeito de sair, saiba que com um pouco de disciplina você consegue comer coisinhas mais saudáveis.

A nutricionista Thabata Martins, do Zahra Spa &Estética, conta que o importante é sempre manter o corpo alimentado. "Nunca deixe de comer, o essencial é se alimentar de três em três horas para seu organismo não ficar muito tempo sem digerir algo. Se não tiver tempo para sair para comer, tente trazer algo de casa."

Para manter uma alimentação saudável, o primeiro passo é procurar um médico nutricionista, conforme explica Thabata. "Se você quer fazer uma dieta e não tem tempo, o ideal é consultar um profissional e explicar a correria do seu dia a dia. Fale sobre os seus horários durante o dia e ele irá criar um cronograma de alimentação especial mais adequado à sua correria", E completa: "Frutas, castanha, nozes damascos, frutas secas e lanche natural são uma boa pedida para quem não tem muito tempo para comer."

Se sobrou um tempinho e você quer se alimentar corretamente, fuja dos fast-food e das máquinas cheias de guloseimas industrializadas. Procure preferencialmente um restaurante self-service e coma sempre salada, legumes, cereais e proteínas. Na hora da sobremesa nada de atacar os chocolates, peça uma salada de frutas ou um sorvete de frutas que ira lhe ajudar a manter a dieta.

Agora se você não achou nenhum self-service e vai ter que recorrer a uma lanchonete, então faça o certo e fuja dos salgados fritos ou folhado como: coxinhas, risoles, pastéis, esfiha e croissant e prefira lanches naturais.


Troque o refrigerante, mesmo que seja diet ou light, por suco natural ou água, e lembre-se: quando estiver trabalhando sempre deixe uma garrafinha de água do seu lado para você sempre se manter hidratada.

E uma boa dica: planeje o dia seguinte baseado nas boas práticas e na experiência que você teve no dia anterior, mantendo o que deu certo e adaptando o que não deu.

Por Marisa Walsick (MBPress)

Comente