Cartão de crédito é o mais usado entre os consumidores

Prático e rápido na hora de fazer as compras, o cartão de crédito tem se tornado cada vez mais o preferido entre os consumidores. Seja para as compras do dia-a-dia, presentes ou para os parcelamentos a longo prazo. O uso do "dinheiro de plástico" atingiu 70% em janeiro de 2011. Já o cheque pré-datado foi utilizado por 18%, uma queda considerável se comparado aos 26% registrados na mesma época no ano passado.

Não somente entre os consumidores, o cartão também vendo sendo o favorito dos empresários. "Muitos lojistas preferem estimular as compras através de cartão, temendo os riscos do não recebimento das vendas. Além disso, os processos de vendas são mais ágeis, reduzindo o custo da operação por cliente", afirma Silvânia Araújo, coordenadora do Departamento de Economia da Fecomércio Minas.

Além disso, a facilidade no parcelamento das compras é um atrativo e tanto, que permite simplicidade nas operações. "Muitos empresários adotam a ação de compatibilizar o volume ou valor maior de compras, com prazos maiores, o que acaba estimulando o aumento do giro das mercadorias, com apelo para o consumidor", completa Silvânia.


Outro motivo para evitar o cheque é o risco do não recebimento e a consequente dificuldade na recuperação do crédito. Muitos comerciantes tem evitado o risco da inadimplência não aceitando mais o recebimento do mesmo.

Entre tantas vantagens do cartão de crédito, é bom não esquecer que aquela aparente sensação de que as compras foram feitas sem que nenhum centavo saísse do bolso estimula os gastos excessivos. Cuidado redobrado na hora de sair parcelando e comprando sem se preocupar com o limite do cartão. A fatura um dia chega!

Por Lívany Salles

Comente