Cães chegam a custar até dois milhões de reais

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+
Os cães mais caros

Foto Divulgação

Ter um animal de estimação em casa não tem preço. Porém, alguns chegam a custar uma pequena fortuna. É o caso do Hong Dong, um belo mastife-tibetano que se tornou o cachorro mais caro do mundo ao ser comprado pelo valor equivalente a mais de R$ 2 milhões.

Segundo o site Daily Mail, o dono poderá cobrar em torno de R$ 26 mil para cruzar o cão. O preço alto é justificado pelo status que o animalzinho proporciona aos chineses. Lá, além da cor vermelha, associada à sorte, animais dessa raça são conhecidos como sagrados, capazes de abençoar seus donos com saúde e segurança.

Não tão caro, mas nem por isso acessível, Terra Nova custa em torno de R$ 11 mil, mas não é uma raça comum aqui no Brasil, isso por que não se dá muito bem com o clima tropical. Já o Bulldog Inglês pode custar R$ 5 mil e costuma ter muitos problemas de saúde.

Curiosamente, considerados os cães mais feios do mundo, os Chinese Crested podem valer R$ 4 mil. Enquanto isso, os pequenos da raça Chiuhauha, preferidos das celebridades como Paris Hilton e Britney Spears, chegam a custar até R$ 3 mil.

Por Lívany Salles

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+

Comente

Assuntos relacionados: finanças valor animais cachorro cão