Big Mac brasileiro é o 4º mais caro do mundo

Big Mac brasileiro é o 4º mais caro do mundo

Sabe aquele lanche mais famoso do Mc Donalds? Além do arrependimento de ganhar milhares de calorias ao consumiro produto, você adquire um "big prejuízo" monetário e nem sabe.

O Índice Big Mac, apurado pela revista britânica The Economist, revelou que o preço do lanche brasileiro sugere que o real está valorizado em 52%, já que o sanduíche vendido no Brasil está cotado a US$ 6,16 - o quarto mais caro do mundo -, ante US$ 4,07 dos Estados Unidos.

O índice da revista é baseado na teoria da Paridade do Poder de Compra, que compara o valor de diversos produtos em países diferentes. A cesta da revista contém apenas um produto: o Big Mac, cujo valor em diversas nações é convertido em dólar.


Viciada no lanche da famosa rede de fast food, a estudante de direito, Luciana Veiga, afirma que gasta, em média, R$ 150 por mês com o produto. "A gente não consegue comer só o lanche. Tem a batata frita, o sorvete, a tortinha. Com tudo isso, só o que não engorda é minha conta bancária", brinca a estudante.

Índice no Brasil

Comparado com julho do ano passado, o preço do sanduíche no Brasil subiu 25,45%, mas mesmo assim o País manteve a quarta colocação do ranking em um ano.

Por Lívany Salles

Comente