Alfabetização financeira nas férias e na escola

Alfabetização financeira nas férias e na escola

Crianças aprendendo finanças em um acampamento, cena difícil de imaginar. Mas já é realidade em várias cidades brasileiras.

Essa é a proposta do programa infantil de alfabetização financeira “The Money Camp”, que começou nos Estados Unidos em 2002 e chegou aqui no país há mais de um ano. Adaptado a nossa realidade, ele promove cursos de educação financeira para crianças e adolescentes, entre 9 e 17 anos. Habilidades de comunicação, liderança, criatividade e conquistas de objetivos também são assuntos abordados durante as aulas.

As aulas são feitas nas férias ou nas próprias escolas como atividade extracurricular. O método usado explica os quatro pilares da administração do dinheiro - ganhar, gastar, investir e compartilhar com foco direcionado para o universo das crianças. Elas aprendem como não cair nas armadilhas dos crediários, cartões de crédito e cheques especiais.

Uma equipe de pedagogos, economistas e administradores foi treinada para que as crianças pudessem assimilar todos esses conceitos, que incluem até o funcionamento do mercado de ações.

Para ensinar termos que até gente grande desconhece, os professores utilizam jogos, brincadeiras e encenações, sempre adaptadas a situações cotidianas das crianças. “Ter uma aula da Money Camp é muito mais legal do que ir à aula de História ou Geografia. Aqui a gente aprende e brinca, brinca e aprende.”, diz o aluno Lucas Kato, de 11 anos.

Veja também:

Livros infantis sobre educação financeira

Por Juliana Lopes

Comente