Tome consciência da sua relevância

"O seguro de vida que fará você dar graças a Deus. Pessoalmente”.

Sabe quem inventou a frase que você acaba de ler? Os criadores de uma campanha para a venda de seguro-funeral. Imagine agora os vendedores desse seguro abordando clientes com tiradas espirituosas como "para quem não quer morar em qualquer buraco" ou "fica frio que a gente cuida de tudo". Parece piada de defunto, mas não é. É o diferencial que essa empresa criou para promover seu negócio: em vez de vender morte, vender vida.

As pessoas estão criando diferenciais fantásticos para o seu trabalho, seu negócio, sua vida - e, com isso, fazendo sucesso, fazendo realmente diferença no seu meio. Tive mais uma prova disso, poucos dias atrás, em um Congresso na cidade de São Paulo.

Ali eu conheci Andréia, mineira da pequena cidade agrícola de Oliveira. Empresária, sócia de uma loja de máquinas e suplementos agrícolas, ela também dá palestras motivacionais para os agricultores da região, pois muitos estão desistindo de seu negócio, vendendo as terras e mudando para cidades maiores.

Andréia não está só preocupada com a perda de clientes, mas também com o êxodo rural que empobrece a cidade, pois os compradores das terras são gente de fora - que não moram nem investem em Oliveira. Por amor à sua terra, ela sai estrada afora, juntando agricultores, incentivando-os a não desistir de seus sonhos e permanecer no campo.

Eu poderia citar ainda muitos outros exemplos discutidos só nesse encontro, como o da ex-secretária que está levando uma renovação da linguagem das cartas comerciais para as empresas, o do especialista de Recursos Humanos que mostra como fazer uma "demissão do bem”, o do ex-executivo que se emociona toda vez que fala de seu duro aprendizado na montanha, a 50 graus negativos de temperatura. Todas essas pessoas criaram um diferencial para o seu trabalho de palestrante, e sabe como? Tomando consciência da sua relevância.

A relevância é o que dá sentido ao trabalho, à obra e à vida de qualquer pessoa. Quando a gente faz o que é relevante para nós, além de termos um grande entusiasmo em nosso interior, as pessoas ao nosso redor reconhecem e valorizam o nosso trabalho.

Por falar nisso, o que é relevante para você?

Colunista do Vila Sucesso e Vila Equilíbrio, Leila Navarro é palestrante motivacional e comportamental, além de ser empresária e Presidente do Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento do Capital Humano.

Comente