Programação Neurolinguística: sucesso pessoal e profissional

Programação Neurolinguística sucesso pessoal e pro

Comunicação Interna. Se ela funciona bem na empresa, colaboradores trabalham em sintonia e conseguem resultados surpreendentes. Mas como em toda a ciência que atua com seres humanos, nada é exato. Seu sucesso depende de uma série de variáveis, a começar por nós mesmos.

A Programação Neurolinguística (PNL) é uma dessas ciências que procura melhorar o dia-a-dia nas empresas, em várias situações: reuniões, tomada de decisão, relacionamento com os clientes ou mesmo em técnicas de negociação.

“Utilizamos estratégias para motivar os funcionários, destacando as competências que cada um tem. Algumas delas ensinam como focar o seu trabalho perante um desafio e torná-lo realidade”, explica Rebeca Fischer, instrutora do Instituto Brasileiro de Programação Neurolinguística.

A psicóloga explica que antes de tudo os cursos de PNL usam técnicas de auto-estima e autoconhecimento a fim de que as pessoas saibam como se comunicam com elas mesmas e com os outros. O princípio é simples, pelo menos na teoria. Forma pessoas de bem com elas mesmas, para formar profissionais.

“Observo vários colaboradores que não sabem lidar com o estresse e a pressão, isso gera muita insegurança, dúvidas e falta de foco”, relata Fischer.

Por esta razão, cursos de comunicação entre funcionários ou ainda de objetivos e metas são os mais aplicados nas organizações. Com mais confiança, eles conseguem maior empenho pessoal e profissional, aí fica bem mais fácil de atuar em conjunto. Ganha a pessoa, a empresa e os clientes.

Por Juliana Lopes

Comente