Primeira mulher toma a frente do Supremo Tribunal Militar

Supremo Tribunal Militargaysexército

Foto - Superior Tribunal Militar

Pela primeira vez na história, uma mulher toma a frente do Supremo Tribunal Militar. Maria Elizabeth Rocha toma posse na noite desta segunda (16), e já chega com um propósito: permitir a presença de gays no Exército, Marinha e Aeronáutica.

Hoje em dia, quem assume a homossexualidade dentro do quartel pode perder a patente. Segundo Maria Elizabeth, a orientação sexual de cada um não é parâmetro para julgar alguém digno ou indigno da função. Essa decisão também permite incluir os companheiros de relação homoafetiva como dependentes no plano de saúde.

Além de garantir os direitos dos homossexuais nas forças armadas, ela também pretende ampliar a participação feminina e das minoria. "A minha intenção é fazer a diferença não apenas pelo fato de ser mulher, mas pelo meu conhecimento jurídico. Eu quero modificar algumas regras e quebrar paradigmas", disse ela em entrevista à revista "Veja".


Por Helena Dias

Comente