O valor do trabalho feminino

mulher trabalhando

De acordo com estudo realizado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), as mulheres têm conquistado mais vagas no setor elétrico do que os homens. Elas já ocupam mais de 16% das vagas do setor.

Predominantemente masculino, o setor de energia elétrica tem, nos últimos anos, aberto espaço para as mulheres em várias áreas. Entretanto, ainda há diferença entre os salários pagos aos homens e mulheres. Mesmo com escolaridade maior do que a dos concorrentes masculinos, elas ganham 26% menos. Uma profissional com ensino médio completo ganha igual a um homem que completou apenas o fundamental.

“É preciso acabar com esse preconceito, se dois profissionais exercem funções e jornada de trabalho iguais, não há motivos para um ganhar menos apenas porque é mulher”, pondera Antonio Carlos dos Reis “Salim”, presidente do Sindicato dos Eletricitários de São Paulo (Stieesp), da Federaluz e vice-presidente da União Geral dos Trabalhadores (UGT).

Por Karina Conde

Comente