O que deseja o trabalhador brasileiro

Afinal, o que aspira o trabalhador brasileiro? Ter todos os confortos legais do regime CLT ou maior independência para escolher a hora de trabalho? Para responder a essa questão, o portal Trabalhando.com realizou uma pesquisa com 450 pessoas. O resultado revelou que, mesmo com o crescimento do trabalho informal, 84% ainda preferem trabalhar com carteira assinada. Ou seja, os brasileiros ainda prefere a segurança, os benefícios e a formalidade.

Ainda de acordo com a pesquisa, 72% dos entrevistados encontram-se contratados no regime CLT e estão satisfeitos com essa forma de trabalho. Identificam-se com as vantagens de ter fértias, 13°, Fundo de Garantia, entre outros benefícios.

Dos entrevistados, 12% são freelancers que gostariam de migrar para o CLT. Outros 9% que estão contratados como CLT gostariam da informalidade do freelancer. Apenas 7% dos freelancers não gostariam de mudar, preferem a possibilidade de negociação da remuneração com os poucos descontos que são feitos.

A pesquisa anda demonstra que os profissionais buscam a tranquilidade e são conservadores. Mas em algumas áreas, principalmente as ligadas a tecnologia, a comunicação e ao direito, a informalidade vem ganhando cada vez mais espaço.

Por Lívany Salles

Comente