Novo ponto eletrônico no trabalho

Muitas empresas já adotaram o novo Registrador Eletrônico de Ponto (REP), criado pela portaria 1.510 do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) e que deverá entrar em vigor no dia 1º de setembro.

Segundo uma pesquisa do o Instituto AGP, 78% dos funcionários e 74% das empresas aprovam o novo registro de ponto eletrônico. Ainda de acordo com o levantamento, questionamentos sobre horas extras caíram 28%.

Com a medida, torna-se obrigatória a impressão gráfica pelos relógios de ponto de todo o movimento de entrada e saída dos trabalhadores, além armazenar estes dados em memória testada e certificada, para não apagar ou alterar os registros.

"A grande maioria dos entrevistados está trabalhando com o registrador há mais de três meses - tempo suficiente para fazer uma boa avaliação", diz o diretor do Instituto AGP, Antônio Perina. Apenas 3% dos trabalhadores e 8% das empresas estão insatisfeitos com a novidade.

Por Lívany Salles

Comente

Assuntos relacionados: carreira empresa trabalho